Início Futebol Liga Portuguesa Sporting perde na Madeira, Benfica e Sporting de Braga aproveitam

Sporting perde na Madeira, Benfica e Sporting de Braga aproveitam

56
0
Marítimo's Beltrame (R) celebrates the victory over Sporting in the end of their Portuguese First League soccer match held at Marítimo stadium in Funchal, Madeira island, Portugal, 8 January 2023. HOMEM DE GOUVEIA/LUSA

O Sporting sofreu hoje a quinta derrota no campeonato, ao perder na Madeira com o Marítimo 1-0, resultado que permite a Benfica e Sporting de Braga serem os grandes vencedores da 15.ª jornada da I Liga de futebol.

Frente a uma equipa que ainda não tinha vencido esta temporada em casa – apenas ganhou uma vez fora, em casa do Paços de Ferreira -, o Sporting viu interrompida uma série de três triunfos consecutivos para a Liga e voltou a ficar a 12 pontos do comandante Benfica, desaproveitando a derrota na ronda anterior dos ‘encarnados’ em casa do Sporting de Braga.

Além de não quererem ceder mais terreno para o líder – que defrontam na próxima jornada -, os ‘leões’ podiam ainda reduzir para apenas dois pontos a sua desvantagem para o FC Porto, terceiro, que, no sábado, empatou 0-0 com o Casa Pia, mas o golo de Cláudio Winck, aos 56 minutos, na conversão de uma grande penalidade, ditou mais uma derrota para a equipa de Rúben Amorim, que fica cada vez mais afastada dos primeiros lugares.

Publicidade

Do outro lado, o treinador do Marítimo José Gomes, que regressou aos insulares depois da passagem em 2019/20, parece ter trazido outra ‘alma’ à equipa, tendo somado o segundo jogo sem perder, depois do empate 1-1 na estreia em casa do Rio Ave.

Apesar do triunfo, o Marítimo manteve o 17.º e penúltimo posto, mas agora a dois pontos do Gil vicente, que ocupa o 16.º lugar, posto de ‘play-off’, e que perdeu hoje em casa do Boavista, igualmente por 1-0.

Na Mata Real, o Paços de Ferreira, novamente sob o comando de César Peixoto, continua em situação muito complicada, tendo cedido novo empate, apenas o terceiro na prova, na qual não tem qualquer triunfo.

Os pacenses viram-se em desvantagem perante o Desportivo de Chaves aos 67 minutos, com um golo de Juninho, mas ainda responderam e igualaram aos 75, através de Uilton. Com o empate, mantêm-se no último lugar, com apenas três pontos, enquanto os flavienses estÕ NO 10.º posto, com 20.

No sábado, foi a vez de o FC Porto ‘escorregar’ e empatar 0-0 frente ao Casa Pia, equipa ‘sensação’ do campeonato, que jogou em casa emprestada, no Estádio Nacional.

O FC Porto não conseguiu tirar partido do facto de os ‘gansos’ terem atuado toda a segunda parte com menos um elemento, expulsão de Lucas Soares por duplo amarelo, aos 45+1, e viram-se assim ultrapassados pelo Sporting de Braga no segundo lugar, ficando ainda a sete pontos do comandante Benfica.

A formação casapiana continua assim o seu excelente campeonato no ano de regresso ao primeiro escalão, depois de 83 anos de ausência, ocupando o quinto posto da prova, com 27 pontos, a um do quarto, o Sporting.

Depois de ter fechado a ronda anterior com cinco pontos de avanço para o segundo, na ocasião o FC Porto, o Benfica venceu na receção ao Portimonense – golo de João Mário, na conversão de uma grande penalidade -, e fecha a jornada com seis pontos de vantagem para o mais direto perseguidor, agora o Sporting de Braga.

Os ‘arsenalistas’ prosseguiram o bom momento e, na quinta-feira, golearam nos Açores o Santa Clara por 4-0, assumindo o segundo lugar, um resultado que ditou a saída do treinador Mário Silva dos açorianos.

Em outros jogos da ronda, o Famalicão prosseguiu a recuperação na tabela e venceu na receção ao Vizela por 2-1, duas equipas que se encontram atualmente em posição tranquila na classificação.

O Vitória de Guimarães não conseguiu melhor do que um ‘nulo’ na receção ao Rio Ave, falhando assim a aproximação ao quinto lugar dos casapianos, enquanto o Arouca venceu na receção ao Estoril por 2-0, com dois golos do palestiniano Oday Dabbagh.

Já no encontro que encerrou a ronda, o Boavista levou de vencida o Gil Vicente por 1-0, com um golo de Yusupha, aos 31 minutos, resultado que deixa os ‘axadrezados’ no oitavo posto, com 20 pontos, enquanto os gilistas ocupam o 16.º lugar, que dá acesso ao ‘play-off’ de manutenção, e viram o Marítimo, 17.º e penúltimo, reduzir para dois pontos a desvantagem na classificação.

Artigo anteriorCentenas de apoiantes de Bolsonaro forçam entrada no edifício do Congresso brasileiro
Próximo artigoBoavista vence e complica situação do Gil Vicente na Liga

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui