Início Futebol Taça da Liga Leixões empata em Arouca e fica próximo dos ‘quartos’ da Taça da...

Leixões empata em Arouca e fica próximo dos ‘quartos’ da Taça da Liga de futebol

69
0
O jogador do Leixões, Miguel Ângelo (2D), festeja o golo obtido contra o Arouca durante o jogo da 3.ª jornada da fase de grupos da Taça da Liga realizado no Estádio Municipal de Arouca, 04 de dezembro de 2022. MANUEL FERNANDO ARAÚJO/LUSA

O Leixões, da II Liga de futebol, empatou hoje no terreno do primodivisionário Arouca, por 1-1, liderando o Grupo G da Taça da Liga, com sete pontos, num resultado que deixa os matosinhenses mais próximos dos ‘quartos’.

Os arouquenses colocaram-se em vantagem por Dabbagh, aos oito minutos, mas o Leixões acabou por restabelecer a igualdade através de Miguel Ângelo, aos 76, jogador lançado por Vítor Martins no segundo tempo e que acabou por se revelar decisivo. 

Após um forte domínio inicial, os caseiros conseguiram o 1-0, por intermédio de Dabbagh, que rematou com colocação para o fundo das redes, após um contra-ataque que contou com um passe decisivo de Bukia.

Publicidade

Aos 66 minutos, Miguel Ângelo tirou um cruzamento que descobriu Valente dentro de área, mas, em frente à baliza, o avançado acabou por rematar por cima.

Numa altura em que o Leixões começava a criar algum perigo, na sequência de um canto, Arruabarrena socou a bola para o meio da grande área, onde apareceu Miguel Ângelo a aproveitar a confusão para repor a igualdade na partida (76).

Aos 79 minutos, Kiki Silva isolou-se nas costas da defensiva arouquense e acabou por ser abalroado pelo guarda-redes uruguaio, que foi prontamente expulso pelo árbitro Tiago Martins.

Com este resultado, o Leixões soma sete pontos no Grupo G da Taça da Liga e fica próximo do apuramento para os ‘quartos’, enquanto o Arouca, que é segundo, conta apenas dois, ainda que tenha mais uma partida por disputar.

Jogo realizado no Estádio Municipal de Arouca, em Arouca.

Arouca — Leixões: 1-1.

Ao intervalo: 1-0.

Marcadores:

1-0, Oday Dabbagh, 08 minutos.

1-1, Miguel Ângelo, 76 minutos.

Equipas:

– Arouca: Arruabarrena, Tiago Esgaio, Galovic, Opoku (João Valido, 84), Bogdan Milovanov, Alan Ruiz, Morlaye Sylla (João Valido, 85), David Simão, Bukia, Oday Dabbagh (Bruno Marques, 78) e Antony Alves.

(Suplentes: João Valido, Quaresma, Bruno Marques, Basso, Uri Busquets, Yaw Moses, Rafael Mújica, Pedro Moreira e Soro).

Treinador: Armando Evangelista.

– Leixões: Igor Stefanovic, João Amorim, Brunão, Calasan, Joel (Miguel Ângelo, 57), Thalis (Erivaldo, 88), Zag (Ben, 57), Fabinho, João Oliveira (Paulo Alves, 57), Valente (Zé Eduardo, 90+3) e Kiki Silva.

(Suplentes: Beunardeau, Zé Eduardo, Erivaldo, Paulo Alves, Agostinho, Miguel Ângelo, Ben, Morais e Rafa).

Treinador: Vítor Martins.

Árbitro: Tiago Martins (AF Lisboa).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Morlaye Sylla (30), David Simão (38), Zag (45), Joel (52) e Galovic (64). Cartão vermelho para Arruabarrena (79).

Assistência: 1.049 espetadores.

Artigo anteriorBento diz que Coreia do Sul não tem “nada a perder” frente ao Brasil
Próximo artigoLuxemburgo: Controlos de velocidade (5 dezembro)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui