Início Desporto Andebol Portugal vence Azerbaijão e fica mais perto do Mundial feminino de andebol

Portugal vence Azerbaijão e fica mais perto do Mundial feminino de andebol

64
0

A seleção portuguesa de andebol venceu tranquilamente o Azerbaijão, por 32-19, na primeira mão do ‘play-off’ de acesso ao Mundial feminino de 2023, em jogo disputado no pavilhão Multiusos de Paredes.

O combinado luso, que procura a primeira participação num Campeonato do Mundo, começou cedo a confirmar a sua superioridade, a partir de uma boa consistência defensiva, com a guarda-redes Isabel Góis também em bom plano, e de uma eficácia quase plena no ataque, logrando um parcial de 6-0.

O Azerbaijão revelava dificuldades nas transições e permitia muitas interceções no ataque, potenciando as saídas rápidas de Portugal, muito incentivadas pelo selecionador José António Silva, e o avolumar do resultado, para o que contou a melhor pontaria de Mariana Lopes, Maria Pereira e Adriana Lage, as melhores marcadoras lusas no primeiro tempo, com três golos cada.

Publicidade

O primeiro golo da formação azeri chegou ao fim de praticamente oito minutos de jogo, o que atesta bem a diferença de registos entre as duas equipas, com Portugal sempre por cima e a justificar a vantagem de 11 golos ao intervalo.

A vantagem incontestável de Portugal permitiu a rotação da equipa no segundo tempo, período no qual a formação azeri logrou marcar quase o triplo dos tentos, muito pela ação de Bayramova, com cinco remates certeiros, mas abriu também espaço ao aparecimento no jogo de outras jogadoras lusas, como Maria Unjaque e Nádia Rodrigues, com cinco e quatro tentos, respetivamente.

O jogo foi mais aberto, mas um pouco menos rigoroso defensivamente, sobretudo, por parte do combinado luso, que, ainda assim, terminou o encontro com uma vantagem confortável de 13 tentos, que terá agora de gerir na segunda mão, a disputar no sábado, também no Polidesportivo de Paredes.

O vencedor desta eliminatória terá de disputar e vencer um segundo ‘play-off’ para poder marcar presença no Mundial, numa organização conjunta da Dinamarca, Suécia e Noruega, de 30 de novembro a 17 de dezembro de 2023.

Jogo no Pavilhão Multiusos de Paredes.

Azerbaijão – Portugal, 19-32.

Ao intervalo: 5-16.

Sob a arbitragem de Barbora Bocakova e Lucia Janosikova, da Eslováquia, as seleções alinharam e marcaram:

– Azerbaijão (19): Hasanova, Smagina, Hasanova (4), Shukurova (3), Mikhalkovich, Bayramova (5) e Sharifova (2). Jogaram ainda: Barbakazde, Mammadova, Ibrahimova (4), Abbasova (1), e Aliyeva.

Treinador: Azimov.

– Portugal (32): Isabel Góis, Patrícia Rodrigues (2), Luciana Rebelo (4), Patrícia Lima (3), Sandra Santiago, Adriana Lage (3) e Soraia Lopes. Jogaram ainda: Mariana Lopes (4), Matilde Rosa, Maria Pereira (5), Constança Sequeira (1), Joana Pires (1), Nádia Rodrigues (4), Mariana Brito, Maria Unjaque (5) e Jéssica Ferreira.

Treinador: José António Silva.

Assistência: Cerca de 500 espetadores

Artigo anteriorIsrael/Eleições: Netanyahu e seus aliados obtêm maioria no parlamento
Próximo artigoAlemanha quer “desenvolver” relação económica com a China apesar de “visões diferentes” – Scholz

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui