Início Futebol Mundial 2022 Mundial2022: Centenas em romaria e euforia para receber seleção portuguesa

Mundial2022: Centenas em romaria e euforia para receber seleção portuguesa

130
0
Portugal supporters wait for the arrival of the bus carrying the Portugal National team player arrives at the hotel where they will stay during the FIFA WORLD CUP 2022 in Al-Shahaniya, Qatar, 18 November 2022. The FIFA World Cup 2022 takes place in Qatar from 20 November untill 18 december 2022. JOSE SENA GOULAO/LUSA

Centenas de adeptos em grande euforia receberam hoje a seleção portuguesa de futebol, na chegada da equipa das ‘quinas’ à unidade hoteleira em que vai ficar instalada durante o Mundial2022, em Al-Shahaniya, nos arredores de Doha.

Eram 00:06 locais (21:06 em Lisboa) quando o autocarro da comitiva lusa surgiu no campo de visão de uma multidão de mais de 500 adeptos, na sua quase totalidade locais, ansiosos por verem os jogadores portugueses – nem que tenha sido por breves segundos.

Vários deles equipados a rigor, com camisolas de Portugal, munidos de bandeiras lusas e até uma tarja de consideráveis dimensões se destacava entre os eufóricos adeptos, com a frase “Qatar is a very welcoming country [o Qatar é um país muito acolhedor]”.

Publicidade

O aparato era de tal forma que as autoridades tiveram de reforçar o contingente junto à entrada da unidade hoteleira, onde cerca de 100 polícias uniram-se para fazer um cordão de segurança à passagem do autocarro.

Cristiano Ronaldo foi, mais uma vez, o nome mais entoado entre os fãs presentes, para quem o capitão da seleção nacional é mais do que um simples jogador.

“Ronaldo, Ronaldo. Who is God [quem é Deus]? CR7”, ouviu-se da multidão.

A língua portuguesa, sempre presente nos ‘quatro cantos’ do mundo, também se fez representar na receção à seleção nacional e nem as longas horas de espera demoveram quem queria ter um curto vislumbre dos compatriotas que vão representar Portugal nos relvados do Qatar.

“Estamos aqui há três horas. A nossa expetativa era diferente, que conseguíssemos ver os jogadores a saírem do autocarro, mas, com este aparato de segurança, torna-se difícil. Existe uma comunidade muito grande de fãs e é muito difícil de controlar esta multidão”, disse Miguel Pereira à agência Lusa.

Natural de Lisboa, o imigrante luso no Qatar, que se encontrava acompanhado pela mulher e por uma filha pequena, confessou que vai assistir ao vivo aos três jogos de Portugal e ainda a um quarto, isto caso a formação portuguesa se qualifique para os oitavos de final.

“Assistimos ao Europeu de 2016, em que se calhar as expetativas não eram tão grandes, e acabámos por ser campeões. É manter a esperança, acreditar na equipa e que o treinador faça as melhores escolhas. Depois, é tentar chegar a uma meia-final ou à final, encontrar uma grande equipa lá e conquistar o título mundial. Era bom, para o Cristiano [Ronaldo] era bom”, referiu.

A seleção portuguesa realiza o primeiro treino no Qatar este sábado, prosseguindo a preparação para a estreia no Grupo H do Campeonato do Mundo, em 24 de novembro, diante do Gana, no Estádio 974, em Doha.

Seguir-se-ão os duelos com o Uruguai, em 28 de novembro, no Estádio de Lusail, e com a Coreia do Sul, de Paulo Bento, em 02 de dezembro, no Estádio Education City.

A 22.ª edição do Campeonato do Mundo arranca no domingo, com o duelo entre o anfitrião Qatar e o Equador, para o grupo A, e termina em 18 de dezembro.

Artigo anteriorBoavista regressa aos triunfos com reviravolta frente à BSAD na Taça da Liga
Próximo artigoMundial2022: “Se fizermos o povo feliz, o nosso objetivo já estará cumprido” – Taremi

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui