Início Futebol Mundial 2022 Mundial2022: “Cavani e Suárez estão mais velhos, mas têm enorme qualidade” –...

Mundial2022: “Cavani e Suárez estão mais velhos, mas têm enorme qualidade” – Fernando Santos

37
0

O selecionador Fernando Santos destacou hoje a capacidade da equipa do Uruguai, próximo adversário de Portugal no Mundial2022 de futebol, lembrando que Cavani e Suárez estão mais velhos, “mas continuam a ser jogadores de enorme qualidade”.

Em conferência de imprensa de antevisão à partida com os sul-americanos, agendada para segunda-feira, o técnico foi instado a comentar o que mudou no adversário desde o Mundail2018, quando eliminou a equipa das ‘quinas’ nos oitavos de final.

“Cavani e Suárez tinham menos cinco anos, mas continuam a ser jogadores de enorme qualidade. A equipa que esteve na Rússia era uma grande equipa, mas esta também é, com valores emergentes. Em 2018, não estavam Valverde, Darwin ou Pellistri. A matriz de jogo não mudou assim tanto. Mudaram, sim, algumas características individuais”, referiu Fernando Santos.

Publicidade

Para o selecionador luso, o Uruguai conta agora com “Darwin, que é um jogador mais profundo, mais potente”, numa equipa que “evolui em 4x4x2 e 4x1x3x2, muito forte tecnicamente, muito equilibrada nos vários momentos do jogo” e que, depois, tenta aproveitar “o ataque à profundidade e os ataques rápidos”.

Por outro lado, assumiu que dá total liberdade aos jogadores da seleção nacional para se ‘expressarem’ dentro de campo.

“Eles sabem que, em posse, têm criatividade e variabilidade totais. Quero essa variabilidade, por isso é que também estou a jogar num sistema muito mais híbrido. Não me interessa se o Bernardo [Silva], o Bruno [Fernandes] ou o [João] Félix estão mais à direita, se vêm para dentro ou vão para trás. Quero que isso aconteça, com segurança, com bola”, disse.

Na sequência desta resposta, Fernando Santos confessou que os jogadores “tiveram dificuldades em soltar as amarras” na primeira parte do duelo com o Gana (3-2), também porque, considerou, a “estreia num Mundial pesa um bocado”.

Depois de terem assinado, cada um, os golos de Portugal diante do Gana, Cristiano Ronaldo, Rafael Leão e João Félix são compatíveis num eventual ‘onze’ inicial, de acordo com Santos: “O jogo é que manda. Não há jogadores que não podem jogar e outros que têm de jogar. Depende do que os jogos pedem”.

Fernando Santos lamentou ainda que fale “sempre no passado” e considerou que “houve uma transformação e uma evolução” desde a derrota com a Sérvia, há precisamente um ano, que impediu a equipa das ‘quinas’ de se apurar diretamente para o Mundial2022, obrigando-a à disputa dos ‘play-offs’.

Portugal e Uruguai jogam na segunda-feira, às 22:00 locais (19:00 em Lisboa), no Estádio de Lusail, em jogo da segunda jornada do Grupo H do Mundial2022.

A equipa das ‘quinas’, que venceu o Gana (3-2), na estreia, lidera o grupo, com três pontos, à frente de Coreia do Sul, de Paulo Bento, e Uruguai, ambos com um ponto, enquanto os ganeses, que defrontam os sul-coreanos no mesmo dia, seguem a ‘zeros’.

A 22.ª edição do Campeonato do Mundo decorre até 18 de dezembro, no Qatar.

Artigo anteriorMundial2022: Marrocos bate Bélgica e lidera à condição o Grupo F
Próximo artigoMoreirense vence Estrela e ascende à liderança do Grupo C da Taça da Liga

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui