Início Futebol Taça da Liga Moreirense vence em Penafiel no arranque da Taça da Liga

Moreirense vence em Penafiel no arranque da Taça da Liga

40
0

O Moreirense venceu em casa do Penafiel, também da II Liga de futebol, por 2-1, com reviravolta no marcador, no arranque do grupo C da Taça da Liga de futebol, em jogo marcado por duas falhas elétricas.

As duas falhas no sistema de iluminação do estádio, ambas no segundo tempo, arrastaram o jogo por mais de uma hora além do previsto, mas os forasteiros não perderam o foco, logrando dar a volta ao resultado, favorável ao Penafiel desde os 31 minutos (marcou Roberto), com golos dos suplentes Petkov e André Luís, aos 81 e 90 minutos, respetivamente.

As duas equipas iniciaram o encontro com apenas um titular no último jogo disputado, tendo os locais entrado melhor e chegado com naturalidade à vantagem.

Publicidade

Roberto finalizou, de cabeça, na pequena área, conseguindo o que Vasco Braga minutos antes desperdiçara, só com Pasinato pela frente.

A esperada reação do Moreirense chegou no segundo tempo, com Paulo Alves a apostar tudo no ataque e a ver recompensada a ousadia nos minutos finais.

Petkov, após arrancada de Madson pela esquerda, empatou, e, mesmo no fim, foi André Luís a ‘selar’ um triunfo importante, que mantém os cónegos na discussão do grupo C, que integra ainda as equipas do Estrela da Amadora e do Benfica.

Jogo no Estádio Municipal 25 de Abril, em Penafiel.

Penafiel – Moreirense, 1-2.

Ao intervalo: 1-0.

Marcadores:

1-0, Roberto, 31 minutos.

1-1, Steven Petkov, 81.

1-2, André Luís, 90.

Equipas: 

– Penafiel: Nuno Macedo, Rúben Freitas, Silvério, Lucas Tagliapietra, Afonso Figueiredo (Simãozinho, 84), Reko (Feliz, 61), Diogo Batista (João Oliveira, 46), Vasco Braga, Edi Semedo, Roberto (Marcus, 72) e Adriano Castanheira (Filipe Cardoso, 61).

(Suplentes: Filipe Ferreira, João Miguel, Simãozinho, João Oliveira, Mica, Filipe Cardoso, Feliz, Robinho e Marcus).

Treinador: Filipe Rocha.

– Moreirense: Mateus Pasinato, Victor Garcia (André Luís, 60), Rocha, Lucas Freitas, Pedro Amador, Fábio Pacheco (Franco, 46), Pedro Aparício (Madson, 75), Alanzinho, João Camacho, Platiny (Steven Petkov, 59) e Walterson (Kodisang, 46).

(Suplentes: Sérgio Dutra, David Bruno, Hugo Gomes, Rafael Santos, Kodisang, Franco, Madson, André Luís e Steven Petkov).

Treinador: Paulo Alves.

Árbitro: David Silva (AF Porto).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Diogo Batista (16), Fábio Pacheco (23), Platiny (26), João Oliveira (50), Rocha (58) e Franco (73).

Assistência: Cerca de 250 espetadores.

Artigo anteriorMundial2022: Dezenas de adeptos no aeroporto desejam longa estadia a Portugal
Próximo artigoMundial2022: Presidente da República diz que defenderá direitos humanos no Qatar

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui