Início Futebol Liga Europa LE: Artur Jorge “desconfortável” por depender de terceiros para passar 

LE: Artur Jorge “desconfortável” por depender de terceiros para passar 

64
0
Sporting de Braga head coach Artur Jorge leads a training session in Braga, Portugal, 2 November 2022. Sporting de Braga will play tomorrow against Malmo FF in their UEFA Europa League match. HUGO DELGADO/LUSA

O treinador Artur Jorge assumiu hoje o desconforto do Sporting de Braga depender de terceiros para seguir para o ‘play-off’ de acesso aos oitavos de final da Liga Europa de futebol.

Depois de um bom início de grupo, com duas vitórias nas duas primeiras jornadas, o Sporting de Braga somou depois duas derrotas e um empate, pelo que precisa agora de uma conjuntura de resultados para seguir para o ‘play-off’ de acesso aos oitavos de final: ganhar e esperar que os alemães não vençam no reduto dos belgas e líderes Union Saint Gilloise.

Na antevisão da receção ao Malmö, na quinta-feira, na última jornada do grupo D, o treinador Artur Jorge disse que não esperava estar a fazer estas contas nesta altura e assumiu ser “algo desconfortável nesta posição, uma vez que vencer é a única solução que temos e, mesmo assim, pode não ser suficiente”.

Publicidade

“Estamos dependentes de terceiros para conseguirmos o objetivo de passar à fase de grupos, mas estamos motivados e sabemos o que temos que fazer para vencer e ficaremos na expectativa do outro resultado, mas de qualquer forma já asseguramos a manutenção nas competições europeias, resta saber se na Liga Conferência Europa ou na Liga Europa”, disse.

O treinador frisou que sempre disse que este era “um grupo muito equilibrado, com equipas de muita qualidade, em que as quatro equipas tinham o objetivo de passar”.

Para Artur Jorge, depois do bom início, o duplo embate com o Union Saint Gilloise, em que permitiu uma reviravolta em Braga e um empate na Bélgica depois de estar a vencer por 3-1, “fez a diferença”, notando o “demérito” da equipa.

Artur Jorge recusou ainda a ideia de ter havido um “excesso de confiança” do Sporting de Braga, notando que os erros cometidos pagam-se caro a este nível.

O técnico elogiou a “campanha brilhante do Union Saint Gilloise” e disse que “esperava mais” do Malmö, campeão sueco e que veio das pré-eliminatórias da Liga dos Campeões.

O Malmö, só com derrotas, é último do grupo e inverteu no último jogo do campeonato (vitória por 5-2 sobre o Vargers Bols) um ciclo negativo de oito jogos sem ganhar (seis derrotas e dois empates).

Questionado sobre se a equipa virará ‘agulhas’ para o campeonato, no qual ocupa a segunda posição, se for relegada para a Liga Conferência Europa, Artur Jorge disse não querer pensar nesse cenário.

“Ganhando amanhã [quinta-feira] fazemos 10 pontos, os mesmos que no ano passado nos permitiram ir ao ‘play-off’”, disse.

O treinador desvalorizou ainda a seca de golos de Banza, que não marca há mais de dois meses.

“Aprecio todos os meus jogadores, que são de grande qualidade, dignificam o que é o Sporting de Braga e que possam estar todos ao seu melhor para podermos vencer”, disse.

O treinador revelou que Sequeira, que saiu tocado do jogo de Barcelos com o Gil Vicente (vitória por 1-0) já treinou e vai fazer um último teste quinta-feira, mas Fabiano, castigado, é ausência certa.

Sporting de Braga, terceiro classificado do grupo D, com sete pontos, e Malmö, quarto e último, com zero, defrontam-se a partir das 20:00 de quinta-feira, no Estádio Municipal de Braga, jogo que será arbitrado pelo francês Ruddy Buquet.

Artigo anteriorCarlos Carvalhal é o novo treinador do Celta Vigo
Próximo artigoBenfica goleia Maccabi Haiifa e conquista Grupo H

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui