Início Futebol Liga dos Campeões LC: Rúben Amorim consciente que jogo contra Tottenham é “decisivo”

LC: Rúben Amorim consciente que jogo contra Tottenham é “decisivo”

69
0

O treinador do Sporting, Rúben Amorim, admitiu hoje que o jogo de quarta-feira contra o Tottenham, para a Liga dos Campeões de futebol, é “decisivo” entre duas equipas que “já se conhecem melhor”.

Na conferência de antevisão do jogo no Tottenham Hotspur Stadium, o técnico disse que as duas equipas estão sob pressão para ganhar, ao contrário do que aconteceu na primeira mão.

“O Tottenham sabe que se ganhar passa aos ‘oitavos’ e nós também temos de vencer o jogo. Eu penso que as duas equipas tiveram muito respeito uma pela outra no primeiro jogo”, disse, assegurando que agora “já se conhecem melhor”.

Publicidade

Da equipa inglesa espera um sistema diferente.

“Temos de ver como é que vamos encaixar melhor no adversário, como é que vamos tirar partido de não jogar contra três na frente e jogar contra três médios”, disse.

O técnico disse que Sebastian Coates, “em princípio, poderá jogar de início”, enquanto St. Juste vai estar no banco, podendo entrar mais tarde.

Paulinho é “sempre uma hipótese para jogar de início”, apesar de Pedro Gonçalves estar disponível.

Questionado pelos jornalistas ingleses, Amorim disse como Marcus Edwards, formado no Tottenham, é um jogador com muito talento, mas que ainda está a amadurecer.

“O talento está lá, mas pode melhorar muito na relação com o treino, horários, manter o nível alto todos os dias, não só nos jogos”, salientou.

Sobre o alegado interesse de clubes britânicos, o português disse não ter um “sonho específico” de treinar um clube ou num país em particular.

“Obviamente quero estar em grandes campeonatos, mas não é isso que me atrai – é ter um bom projeto bons jogadores, poder transmitir a minha identidade para os meus jogadores. Eu já estou num grande clube, sou muito jovem”, respondeu.

Treinar no Reino Unido, Itália e Espanha, admitiu, “pode ser um dos objetivos”, mas Rúben Amorim diz que não faz planos.

Quando à possibilidade de Cristiano Ronaldo sair do Manchester United para o Sporting, Amorim admitiu que o regresso é um “sonho” de todos os sportinguistas, mas advertiu que o clube não tem capacidade financeira para pagar os salários.

“Ele é feliz no Manchester, mas não está a jogar, é esse o problema”, comentou.

Na mesma conferência de imprensa, o defesa Matheus Reis afirmou que o Sporting chega a Londres “totalmente confiante e acreditando que podemos sair daqui com um bom resultado”.

“Em casa vencemos porque fomos perfeitos em tudo o que fizemos, quase perfeitos, nas nossas ações ofensivas e defensivas. Estamos vindo com a mesma mentalidade. Para sair vitorioso daqui temos de ser perfeitos”, disse.

O Tottenham recebe o Sporting na quarta-feira, em encontro da quinta e penúltima jornada do Grupo D da Liga dos Campeões de futebol, com início marcado para as 20:00 no Tottenham Hotspur Stadium, em Londres, e arbitragem do neerlandês Danny Makkelie.

A equipa orientada por Ruben Amorim ocupa a terceira posição, em igualdade pontual com o Marselha, ambos com menos um ponto do que o Tottenham e com dois de vantagem sobre o Eintracht Frankfurt, último classificado.

Artigo anteriorLC: SL Benfica vence Juventus e está nos “oitavos” da prova
Próximo artigoEstudo revela níveis preocupantes de degradação dos rios em todo o mundo

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui