Início Desporto Futebol Bruno Lage e jogadores ‘convenceram’ Gonçalo Guedes a rumar ao Wolverhampton

Bruno Lage e jogadores ‘convenceram’ Gonçalo Guedes a rumar ao Wolverhampton

85
0

O futebolista internacional português Gonçalo Guedes, oficializado na segunda-feira como reforço do Wolverhampton, revelou que as conversas com o treinador Bruno Lage e os companheiros portugueses foram cruciais na mudança para o clube da Liga inglesa.

“Tive dois ou três telefonemas do treinador, já nos conhecíamos desde o Benfica [Bruno Lage foi técnico do jogador na formação], e isso foi crucial para vir para os Wolves”, reconheceu o extremo, em declarações divulgadas no site oficial do clube inglês.

Gonçalo Guedes, que esteve no Valência nas últimas cinco épocas, referiu também os ‘conselhos’ que recebeu de alguns companheiros de seleção, motivando-o para a escolher o Wolverhampton, clube com vários jogadores portugueses.

Publicidade

“Tenho um ótimo relacionamento com vários. Joguei duas ou três épocas com o Nélson [Semedo] no Benfica, e depois na seleção, então temos uma relação próxima. Conheço o Rúben [Neves], o [João] Moutinho, o [José] Sá há algum tempo (…). É ótimo e facilita a integração”, explicou Gonçalo Guedes.

O futebolista reconheceu que muitos deles o convenceram, dizendo-lhe que o Wolverhampton “tem crescido muito”, além do facto de entrar num “grande campeonato”, com todos a ambicionarem grandes conquistas com o clube.

“Estou muito orgulhoso de aqui estar. Entrar nesta equipa e chegar à Liga inglesa é muito bom para mim. (…) É um campeonato em que todos os jogadores querem estar, agora é estabelecer-me o mais rápido possível e ajudar a equipa já no sábado, se possível”, acrescentou, referindo-se ao encontro diante do Fulham, treinado por Marco Silva, relativo à segunda jornada da Premier League.

Na segunda-feira, os dois clubes anunciaram o acordo para a transferência do internacional português, com a imprensa inglesa a adiantar que os ‘wolves’ pagam ao Valência 32,5 milhões euros (ME), mas que podem chegar aos 41,5 ME.

O jogador, de 25 anos, formou-se no Benfica, clube em que fez todo o percurso desde os iniciados, até ser vendido em janeiro de 2017, com 20 anos, ao Paris Saint-Germain, a troco de 30 ME.

Gonçalo Guedes não teve grandes oportunidades em Paris, de onde saiu em 2017/18 para o Valência, inicialmente por empréstimo e, depois, a título definitivo.

No Wolverhampton, o internacional português reencontra Bruno Lage, seu treinador na formação dos ‘encarnados’, além de vários jogadores lusos que compõem o plantel, como são os casos de José Sá, Nélson Semedo, Toti Gomes, Bruno Jordão, Rúben Neves, João Moutinho, Pedro Neto, Daniel Podence e Chiquinho.

“Quero marcar o maior número de golos possível, ajudar a equipa e tentar que os Wolves estejam o mais alto possível na tabela, na luta por títulos”, disse ainda Gonçalo Guedes.

Artigo anteriorIncêndios: Seguradoras estimam pagar indemnizações de 8 ME – associação
Próximo artigoFBI está a fazer buscas na propriedade de Donald Trump em Mar-a-Largo

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui