Início Desporto Futebol Associação de treinadores repudia promoção de Moreno a treinador do Guimarães

Associação de treinadores repudia promoção de Moreno a treinador do Guimarães

78
0

A Associação Nacional dos Treinadores de Futebol (ANTF) manifestou hoje “indignação e repúdio” pela designação de Moreno Teixeira como treinador do Vitória de Guimarães, clube da I Liga portuguesa de futebol, pedindo a intervenção do Governo.

A ANTF denunciou o “reiterado incumprimento do Regulamento de Competições da Liga – aprovado pelos próprios clubes – e do Regime de Acesso e Exercício da Atividade de Treinador de Desporto, aprovado pela Assembleia da República”, de que a promoção de Moreno Teixeira é o mais recente exemplo.

“Aguardamos uma tomada de posição da Secretaria de Estado da Juventude e Desporto, porquanto, consideramos que este constante clima de afronta às leis da República não pode continuar num Estado de Direito”, advertiu a direção do organismo, em comunicado.

Publicidade

Seis dias depois de o Vitória de Guimarães ter anunciado o afastamento de Pepa do cargo de treinador da equipa principal e a sua substituição por Moreno Teixeira, que orientava a formação B, a ANTF reagiu, lamentando “mais este triste episódio, que desprestigia a imagem a futebol português e desvirtua a verdade desportiva”.

“Lamentamos que num país com os melhores jogadores e treinadores do mundo se continue a assistir, impunemente, a constantes atropelos à lei, (…) desconsiderando – desvalorizando até –, o esforço dos treinadores (…) que cumprem o estatuído na lei, investindo de forma séria, comprometida e sem ultrapassagens pela direita, na sua carreira profissional e na sua formação profissional”, sustentou.

A ANTF estranhou que o Vitória de Guimarães “patrocine este tipo de situações desconformes com a lei, em clara negação do seu legado”, reafirmando a “necessidade premente” de alterar o Regime Jurídico das Federações Desportivas, a fim de “repor igualdade de critérios e de oportunidades para todos os treinadores de futebol”.

O organismo tem denunciado várias situações de incumprimento do regulamento de competições da Liga de clubes e do regime de acesso ao exercício da atividade de treinador, entre as quais a do atual treinador do Sporting, Rúben Amorim, que levou o clube lisboeta à conquista do título nacional, em 2021, após 19 anos de ‘jejum’.

Depois de ter conduzido o Vitória de Guimarães B à fase final da Série Norte da Liga 3 na época passada, Moreno Teixeira, de 40 anos, preparava-se para realizar nova temporada no mesmo escalão, mas a saída inesperada de Pepa precipitou a promoção à liderança da equipa principal.

Artigo anteriorHajduk Split na ‘rota’ do Vitória de Guimarães na Liga Conferência Europa
Próximo artigoIncêndios: Casal de idosos morre em Murça num carro que ficou carbonizado

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui