Início Futebol Liga Portuguesa Liga de clubes confirma Vitória de Guimarães–Gil Vicente à porta fechada

Liga de clubes confirma Vitória de Guimarães–Gil Vicente à porta fechada

47
0

O encontro entre Vitória de Guimarães e Gil Vicente, que encerra a I Liga portuguesa, no domingo, vai-se realizar à porta fechada, confirmou hoje a Liga Portuguesa de Futebol Profissional (LPFP).

Em comunicado, o organismo confirma que o Estádio D. Afonso Henriques, em Guimarães, vai ter as bancadas vazias na sequência de um “procedimento disciplinar” instaurado pelo Conselho de Disciplina (CD) da Federação Portuguesa de Futebol (FPF) em 11 de agosto de 2020, visando os incidentes do jogo entre Vitória de Guimarães e Benfica, realizado em 04 de janeiro de 2020.

“Informamos que o jogo (…) a disputar entre as equipas da Vitória Sport Clube – Futebol, SAD e da Gil Vicente Futebol Clube – Futebol, SDUQ, Lda., no dia 15 de maio [domingo], pelas 20:30, será realizado à porta fechada”, lê-se na nota divulgada pela LPFP, no sítio oficial.

Publicidade

Face à sanção do CD da FPF, que impunha a realização de um jogo à porta fechada e uma multa de 29.631 euros, o clube minhoto apresentou uma providência cautelar ao Tribunal Arbitral do Desporto (TAD) em 08 de setembro de 2020, mas, na sequência de uma comunicação à LPFP realizada na segunda-feira, aceitou realizar o último jogo da temporada à porta fechada.

O presidente do Vitória de Guimarães, António Miguel Cardoso, reconheceu, em declarações publicadas hoje pelo Grupo Santiago, órgão de comunicação vimaranense, que o clube não tinha hipótese de ganhar o recurso, tendo optado por cumprir a sanção no domingo, quando a equipa treinada por Pepa já não tem hipótese de atingir o quinto lugar.

Os vitorianos ocupam a sexta posição, com 45 pontos, menos seis do que o Gil Vicente, clube que garantiu o quinto posto e o consequente apuramento inédito para as provas da UEFA, no caso a Liga Conferência Europa.

O jogo entre Vitória de Guimarães e Benfica, da 15.ª jornada da época 2019/20, que as ‘águias’ venceram por 1-0, com um golo de Cervi, parou quatro vezes.

Após o golo do extremo argentino, aos 23 minutos, o duelo viu-se interrompido pela primeira vez face ao arremesso de tochas entre um grupo de espetadores na bancada Nascente inferior, afeta ao Vitória, e um outro na bancada Norte, afeta ao Benfica.

Ao minuto 45, a paragem deveu-se ao arremesso de cadeiras oriundas de um setor vitoriano, enquanto as paragens nos intervalos entre os minutos 61 e 63 e entre os minutos 81 e 83 deveram-se ao lançamento de tochas a partir de um setor afeto aos ‘encarnados’.

Artigo anteriorMoonspell iniciam terça-feira na Roménia digressão mundial “The Greater Tour” com passagem pelo Luxemburgo em setembro
Próximo artigoGovernos do Japão e Finlândia prometem “resposta firme” à invasão russa

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui