Início Futebol Mundial 2022 Mundial2022: Portugal com 14 jogadores no arranque da preparação para jogo com...

Mundial2022: Portugal com 14 jogadores no arranque da preparação para jogo com Turquia

337
0
Portugal national soccer team players (L-R) Rafael Leao, Bruno Fernandes, Joao Felix and Cristiano Ronaldo during a training session at Cidade do Futebol in Oeiras, outskirts of Lisbon, Portugal, 21 March 2022. Portugal will face Turkey in their FIFA World Cup Qatar 2022 play-off qualifying soccer match on 24 March 2022. ANTONIO COTRIM/LUSA

A seleção portuguesa de futebol iniciou hoje a preparação para o embate com a Turquia, na quinta-feira, no Estádio do Dragão, no Porto, referente ao ‘play-off’ de qualificação para o Mundial2022, com apenas 14 dos 25 convocados.

No principal relvado da Cidade do Futebol, em Oeiras, apenas estiveram presentes os guarda-redes Rui Patrício e Diogo Costa, os defesas Cédric, Diogo Dalot, José Fonte e Gonçalo Inácio, os médios João Moutinho, Matheus Nunes e Bruno Fernandes, e os avançados Bernardo Silva, Gonçalo Guedes, João Félix, Rafael Leão e Cristiano Ronaldo.

Os restantes, incluindo o médio Vitor Ferreira, que foi chamado para render o lesionado Rúben Neves, ficaram a fazer trabalho de recuperação no ginásio, enquanto o defesa Tiago Djaló, que substituiu na convocatória o central Pepe, infetado com covid-19, ainda não se juntou ao grupo, uma vez que estava com a equipa sub-21 das ‘quinas’.

Publicidade

Durante os primeiros 15 minutos do apronto, que foram abertos à comunicação social, o pequeno grupo realizou exercícios com bola, à exceção dos dois guarda-redes que efetuaram trabalho específico à margem.

Portugal inicia o ‘play-off’ frente à Turquia na quinta-feira, às 19:45, e, caso vença, vai disputar a final do caminho C do ‘play-off’ de qualificação para o Mundial2022, também no Estádio do Dragão, no Porto, cinco dias depois, no dia 29, frente ao vencedor do embate entre Itália e Macedónia do Norte.

Portugal precisa de vencer os dois encontros para chegar à fase final do Mundial2022, sendo que, se isso não acontecer, falhará a primeira grande competição no século XXI, depois de 11 presenças consecutivas, desde 2000 – a última ausência aconteceu no campeonato do mundo de 1998, disputado em França.

Artigo anteriorCiclista Sonny Colbrelli reanimado e transportado para o hospital na Catalunha
Próximo artigoLegislativas: Contagem dos votos dos emigrantes na Europa começa hoje em Lisboa

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui