Início Desporto Ciclismo João Almeida vence quarta etapa da Volta à Catalunha

João Almeida vence quarta etapa da Volta à Catalunha

246
0

O ciclista português João Almeida (UAE Emirates) venceu a quarta etapa da Volta à Catalunha, subindo ao segundo lugar da prova, com o mesmo tempo do líder, o colombiano Nairo Quintana (Arkéa Samsic).

Com a meta instalada numa contagem de montanha de primeira categoria, em Boí Taüll, 166,7 quilómetros desde La Seu d’Urgell, Almeida superiorizou-se num ‘sprint’ a três e venceu em 4:20.27 horas.

O português terminou com o mesmo tempo de Quintana e do campeão colombiano Sergio Higuita (BORA-hansgrohe), com o anterior líder, o australiano Ben O’Connor (AG2R Citroën), a ser 12.º, a 23 segundos.

Publicidade

“Estou muito feliz. Estávamos a trabalhar muito há muito tempo, não estava a ser muito feliz nos últimos tempos. Hoje, tive um pouco de azar, com uma queda no início, por momentos estive fora [da corrida], mas estou muito feliz pela vitória e senti-me muito bem hoje”, referiu Almeida.

Sobre a corrida, o português disse que se estava a sentir-se “muito bem na última subida” e que esteve “sempre a controlar” o seu esforço.

“Tínhamos o George [Bennett] na frente, o que me permitiu ir na roda. Depois, segui no meu ritmo e apenas ‘sprintei’ para a vitória”, acrescentou.

Na geral, após a etapa rainha, que teve três contagens de primeira categoria, Quintana tem o mesmo tempo de João Almeida e mais seis segundos do que o compatriota Higuita.

“Ainda há algumas etapas duras pela frente [para lutar pela geral], especialmente a última, mas para já estamos contentes e depois pensaremos no futuro”, admitiu.

Rui Costa (UAE Emirates) terminou a tirada na 89.ª posição, a 14.26 minutos, enquanto o seu companheiro de equipa Ivo Oliveira foi 137.º, a 23.08. Na geral, Costa é 109.º, a 42.39, e Oliveira está em 139.º, a 1:06.53 horas.

Na sexta-feira, corre-se a quinta etapa, uma longa ligação de 206,3 quilómetros, entre La Pobla de Segur e Vilanova i la Geltrú.

Artigo anteriorCapitão da Itália diz que jogadores estão “destruídos”
Próximo artigoEquador e Uruguai qualificam-se para o Mundial de 2022

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui