Início Serviços Conheça as vantagens do cartão de crédito quando viaja para o estrangeiro

Conheça as vantagens do cartão de crédito quando viaja para o estrangeiro

665
0

Sabia que para alugar um carro no estrangeiro é necessário um cartão de crédito ou que se deixar o dinheiro vivo em casa e levar o seu cartão de crédito a passear pode receber de volta uma percentagem do que gastou na viagem?

Estas são apenas algumas das muitas vantagens que um cartão de crédito lhe dá numa viagem ao estrangeiro e que lhe vamos dar a conhecer já de seguida.

Vantagens do cartão de crédito numa viagem ao estrangeiro

Conveniência, segurança e poupança

Para além de serem essenciais na marcação de um hotel ou voo, dado que são o meio de pagamento preferencial em compras online, os cartões de crédito permitem que não tenha que carregar dinheiro vivo consigo. Para além de o poder perder, nunca é boa politica andar com grandes quantidades de dinheiro no bolso, em especial se vai para locais com uma alta taxa de assaltos.

Publicidade

À conveniência e segurança junta-se, igualmente, a possibilidade de receber de volta algum do dinheiro que gastar durante a sua viagem. A isto dá-se o nome de cashback (devolução, em português) e, na prática, significa que, dependendo de quanto gastar, irá receber uma percentagem desse dinheiro de volta no final do mês.

Veja-se o caso do cartão de crédito Unibanco. Este cartão de crédito com cashback permitirá ao seu detentor receber até 200€ de volta nas compras realizadas durante os primeiros 12 meses. Em termos concretos, falamos de valores de cashback que podem oscilar entre os 20 euros mensais para um montante de compras ou adiantamento de numerário a crédito igual a superior a 500 euros e os 5 euros mensais para um valor entre 100 e 299 euros em compras e adiantamentos.

Como, para além destas vantagens, este também é um cartão de crédito sem anuidade e vem com a possibilidade de fracionar as suas compras até 3 vezes sem juros, a taxa de poupança é ainda mais alta.

Poder alugar um carro

Na zona Euro, a esmagadora maioria das empresas de rent-a-car exige que o levantamento da viatura seja feito mediante um cartão de crédito em nome do condutor.

Esta obrigatoriedade prende-se com a alta probabilidade de acontecerem imprevistos, como acidentes, com prejuízos mais ou menos avultados que, no caso de ter sido utilizado um cartão de débito, podem ser difíceis de cobrar. Assim, as empresas de aluguer de carros encontram nos cartões de crédito uma forma de se precaverem neste tipo de situações.

Contudo, pode não ser obrigatório tratar-se do mesmo cartão de crédito. É possível fazer a reserva do carro com um cartão de crédito e utilizar um outro quando for levantar o carro. O fundamental é que no momento de pegar no carro o condutor tenha um cartão de crédito em seu nome.

Seguros de viagem e saúde

Viagens reservadas através dos sites de reservas “baratos” podem significar que não terá direito a reembolso, dado as compras aqui, muitas vezes, não estarem cobertas por um seguro/políticas de cancelamento. Nestas situações, se tiver feito a compra através do cartão de crédito, pode tentar reaver o dinheiro através do seguro do cartão de crédito com que tiver efetuado a compra.

Se em caso de seguros de viagem já vimos que deve tomar uma atenção especial, no caso dos seguros de saúde os cuidados devem ser triplicados. Normalmente, não estará coberto pelo seguro. Contudo, algumas seguradoras abrem uma exceção quando estão em questão doenças graves como cancro ou doenças altamente contagiosas, mas cada apólice e caso são únicos.

Para além dos seguros tradicionais, existem seguros de viagem e saúde que podem ser contratualizados aquando da aquisição de cartões de crédito. Se é detentor, ou pensa contratualizar, um cartão de crédito para financiar a sua viagem, saiba que existem soluções que oferecem pacotes de seguros (viagem e/ou saúde) aos seus clientes aquando da sua compra.

Carregamento de um carro elétrico na UE

Segundo o Tribunal de Contas Europeu, para que um condutor português possa pagar o carregamento do seu automóvel elétrico em Espanha ou na Alemanha, terá que recorrer a uma de três opções: instalar uma aplicação de telemóvel, utilizar um cartão de crédito ou um cartão específico para os postos de carregamento.

Isto acontece porque não existem sistemas harmonizados de roaming com requisitos mínimos que permitam aos utilizadores de veículos elétricos recorrer a todas as diferentes redes de carregamento da UE sob um contrato único.

Em função disto, dependendo dos operadores de pontos de carregamento e prestadores de serviços de mobilidade a que recorrem, os condutores de veículos elétricos podem precisar de assinaturas múltiplas e utilizar diferentes métodos de pagamento, entre eles o cartão de crédito.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.