Início Serviços PSD questiona Governo sobre atendimento consular “insuficiente” na Suíça

PSD questiona Governo sobre atendimento consular “insuficiente” na Suíça

236
0

O grupo parlamentar do PSD questionou hoje o Governo sobre a situação no escritório consular de Sion, que está a funcionar com apenas uma funcionária administrativa devido à baixa médica prolongada de outras três colegas.

“O escritório consular de Sion está há algum tempo a funcionar apenas com uma funcionária administrativa, o que se tem revelado claramente insuficiente face às necessidades de uma comunidade estimada em 40 mil nacionais”, escrevem os social-democratas, num requerimento no qual questionam o Governo sobre esta situação.

Assim, o PSD pergunta se o Ministério dos Negócios Estrangeiros “tem conhecimento das dificuldades de funcionamento do escritório Consular de Sion” e se vai “dotar com a brevidade possível o escritório consular de Sion com os funcionários necessários para assegurar o seu regular funcionamento”.

Publicidade

No articulado da pergunta ao Governo, os social-democratas argumentam que “a carência de pessoal que vive esta estrutura consular deve-se ao facto de três funcionárias estarem de baixa médica prolongada, o que justifica uma intervenção por parte do Ministério dos Negócios Estrangeiros no sentido de excecionalmente e pelo período necessário dotar o posto do número mínimo de funcionários para permitir o seu regular funcionamento”.

O escritório consular de Sion, explicam, “é uma extensão do consulado geral de Portugal em Genebra”, mas “está muito limitado no plano dos recursos humanos e parece não ter condições, por si só, de conseguir dar resposta às dificuldades da estrutura de Sion”.

Considerando que a comunidade portuguesa na região de Sion está “preocupada”, o grupo parlamentar diz que os emigrantes portugueses da região querem que a situação seja “rapidamente resolvida de forma a colmatar os incómodos daí resultantes para a vida dos portugueses que têm de recorrer a essa estrutura consular”.

Artigo anteriorLuxemburgo: Septuagenária morre no CHL 2 semanas depois de tomar a vacina da AstraZeneca
Próximo artigoMorreu o cantor Artur Garcia, nome da música ligeira portuguesa da década de 1960

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here