Início Conflitos Biden anuncia retirada total de tropas do Afeganistão até 11 de setembro

Biden anuncia retirada total de tropas do Afeganistão até 11 de setembro

165
0
Democratic Presidential candidate Joe Biden speaks at the Queen venue in Wilmington, Delaware, on November 5, 2020. - The nail-biting US election was on the cusp of finally producing a winner Thursday, with Democrat Joe Biden solidifying his lead over President Donald Trump and the decisive state of Pennsylvania set to release results. (Photo by Jim WATSON / AFP) (Photo by JIM WATSON/AFP via Getty Images)

O Presidente dos EUA, Joe Biden, anunciou hoje que retirará todos os soldados norte-americanos do Afeganistão até 11 de setembro.

Os Estados Unidos tinham-se comprometido com os talibãs a retirar a totalidade das tropas do Afeganistão antes de 01 de maio, mas hoje Biden explicou que a promessa apenas será cumprida até 11 de setembro, prometendo mais esclarecimentos sobre o novo cronograma numa comunicação na Casa Branca, na quarta-feira.

A data do 20.º aniversário do ataque terrorista de 11 de setembro de 2001 será o marco para o cumprimento da promessa de retirada total das forças militares norte-americanas no Afeganistão.

Publicidade

“Iniciaremos uma retirada ordenada das forças restantes antes de 01 de maio e planeamos que todas as tropas dos EUA saiam do país antes do 20.º aniversário de 11 de setembro”, disse Biden em declarações aos jornalistas, garantindo que essa partida seria “coordenada” e simultânea com o das outras forças da NATO.

“Dissemos aos talibãs, sem qualquer ambiguidade, que responderemos energicamente a qualquer ataque a soldados americanos, enquanto procedemos à retirada ordenada e segura”, acrescentou o Presidente norte-americano.

Os Estados Unidos intervieram no Afeganistão após os atos terroristas em Nova Iorque e em Washington, retirando os talibãs do poder em Cabul, acusando-os de terem acolhido o grupo ‘jihadista’ Al-Qaeda, responsável pelos ataques, bem como ao seu líder, Osama bin Laden.

Para encerrar a guerra mais longa da história norte-americana, o Governo do ex-Presidente Donald Trump chegou a um acordo com os talibãs, em fevereiro de 2019, que prevê a retirada de todas as forças norte-americanas e estrangeiras do Afeganistão antes de 01 de maio, com a condição de os rebeldes, no futuro, impedirem qualquer grupo terrorista de operar nos territórios afegãos.

O Pentágono recentemente expressou dúvidas sobre a capacidade dos talibãs para honrarem esse compromisso e os talibãs têm tido dificuldade em chegar a acordo com as forças governamentais de Cabul, em negociações que se iniciaram em setembro, mas se encontram paralisadas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.