Início Insólito Lembra-se de Chucky? Autoridades nos EUA emitiram acidentalmente um alerta de criança...

Lembra-se de Chucky? Autoridades nos EUA emitiram acidentalmente um alerta de criança perdida pela personagem dos filmes de terror

247
0

O Departamento de Segurança Pública do Texas, nos EUA, lançou alertas de criança perdida por Chucky e o seu filho, Glen, ambos personagens de uma saga de filmes de terror. Os responsáveis já pediram desculpa pelo sucedido e disseram que se tratou de um erro numa sessão de testes.

Já deve ter visto ou ouvido a expressão “Amber Alert” em filmes ou séries de televisão norte-americanos. Significa “America’s Missing: Broadcast Emergency Response” (“Desaparecimento na America: Transmissão de “Resposta de Emergência”) e é a mensagem lançada ao público quando uma criança é reportada como desaparecida às autoridades.

Os responsáveis do Departamento de Segurança Pública do Texas enviaram uma destas mensagens de emergência a 29 de janeiro, mas as figuras visadas normalmente seriam de evitar e não de procurar.

Publicidade

Isto porque as autoridades acidentalmente enviaram uma mensagem dando “Chucky”, boneco assassino da saga de filmes de terror do mesmo nome — iniciada com “Chucky, o Boneco Diabólico”, em 1988 — como desaparecido, assim como o seu filho, Glen, introduzido na série em “A Semente de Chucky”, em 2004.

Imagens tiradas do sistema de reporte oficial do Texas mostram os perfis de ambas as personagens ficcionais, completados com fotografia e descrição física, como noticia a BBC.

No caso de “Chucky”, é possível ver a sua imagem com as características jardineiras de ganga e a empunhar uma faca, dados que, aliás, estão relatados na secção “informação adicional”. Note-se também que na secção “raça”, “Chucky” está descrito como sendo um “boneco” e ambos têm o peso e a altura medidos com as dimensões reais têm nos filmes.

A razão para estas duas personagens se encontrarem neste sistema, adiantaram os responsáveis do Departamento, foi que se tratavam de perfis de teste e o alerta pelo seu desaparecimento foi enviado num erro do sistema.

“Nós pedimos desculpa pela confusão que isto possa ter causado e estamos a trabalhar diligentemente para que tal não volte a acontecer”, disseram aos meios de comunicação locais, que reportaram que o alerta foi enviado por três vezes por email.

 

Artigo anteriorLuxemburgo: Controlos de velocidade (5 fevereiro)
Próximo artigoPortista Nanu sofreu “concussão cerebral”, mas já está “consciente e estável”

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here