Início Saúde Doentes transferidos do continente para a Madeira já tiveram alta

Doentes transferidos do continente para a Madeira já tiveram alta

188
0

Dois doentes com covid-19 que foram transferidos de Lisboa para o Hospital Dr. Nélio Mendonça, no Funchal, em 29 janeiro, já tiveram alta e regressaram ao continente, indicou hoje o Serviço de Saúde da Madeira (Sesaram).

“Ambos recuperaram da covid-19 e na despedida agradeceram o empenho dos profissionais de saúde que os acompanharam durante o processo de recuperação da doença”, indica a instituição, em comunicado.

Em 29 de janeiro, o Serviço de Saúde da Madeira recebeu três doentes com covid-19 em cuidados intensivos transferidos do Hospital Beatriz Ângelo (os dois que tiveram alta), em Loures, e do Centro Hospitalar Lisboa Ocidental (um utente que faleceu no dia 09 de fevereiro).

Publicidade

A transferência decorreu na sequência da disponibilidade manifestada pela Região Autónoma da Madeira para receber doentes críticos do Serviço Nacional de Saúde do continente, sendo que o transporte aéreo foi assegurado pelo Ministério da Defesa Nacional, através de um avião C130 da Força Aérea Portuguesa.

Um comunicado conjunto dos ministérios da Defesa e da Saúde esclareceu que a operação contou com a “necessária autorização das respetivas famílias”.

“A transferência dos doentes do continente foi uma operação complexa e envolveu inúmeros profissionais”, referiu na altura o Sesaram, sublinhando que “tudo decorreu como esperado e ao fim de cinco horas os doentes já estavam internados no Hospital Dr. Nélio Mendonça”.

A região autónoma dispõe de 172 camas para a área covid-19, em dois hospitais do Funchal, e tem capacidade para tratar 50 doentes em cuidados intensivos.

De acordo com os dados mais recentes, o arquipélago, com cerca de 260 mil habitantes, regista 1.296 casos ativos de infeção por SARS-CoV-2, num total de 7.190 confirmados desde março de 2020, e 64 mortos associados à doença.

A pandemia de covid-19 provocou, pelo menos, 2.518.080 mortos no mundo, resultantes de mais de 113,3 milhões de casos de infeção, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 16.276 pessoas dos 803.844 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro de 2019, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.