Início Economia Covid-19: Câmara de Lisboa vai gastar mais 20 ME para apoiar empresas

Covid-19: Câmara de Lisboa vai gastar mais 20 ME para apoiar empresas

130
0

A Câmara de Lisboa vai lançar uma segunda fase do programa que apoia a fundo perdido as empresas da cidade, com mais 20 milhões de euros, duplicando o número de beneficiários, anunciou hoje o presidente da autarquia.

Fernando Medina (PS) falava numa conferência de imprensa agendada para apresentar novas medidas de apoio financeiro às empresas, famílias e setores cultural e social da cidade, na sequência do novo confinamento decretado devido à evolução da pandemia de covid-19.

Segundo o autarca, o objetivo é “alargar os apoios às empresas e insituições que não tinham cobertura na primeira fase ou melhorar o processo de apoio”.

Publicidade

Esta segunda fase vai abranger empresas que tenham uma faturação anual entre 500 mil euros e um milhão de euros, que terão acesso a um apoio de 10 mil euros. A câmara estima gastar cinco milhões de euros com estes empresários

Há também mais atividades económicas abrangidas, como indústrias criativas, atividades turísticas, industriais desportivas e recreativas, representando um investimento “adicional de cerca de oito milhões de euros”.

A partir de agora, os empresários em nome individual com regime de contabilidade simplificada também podem solicitar o apoio, avançou o presidente da Câmara, prevendo um investimento de sete milhões de euros.

No final do ano passado, a autarquia lançou um programa para o comércio e restauração da cidade no valor de 20 milhões de euros, com apoios a fundo perdido entre quatro e oito mil euros.

Para as empresas e empresários com um volume de negócios até 100 mil euros em 2019, o valor do apoio total será de quatro mil euros, enquanto para aqueles que tiveram um volume de negócios entre os 100 mil e os 300 mil euros o apoio total é de seis mil euros.

Quando o volume de negócios tiver sido entre os 300 mil e os 500 mil euros, o apoio total será de oito mil euros.

O município recebeu até ao momento mais de três mil pedidos de apoio financeiro de lojas e restaurantes, tendo já efetuado 1.650 pagamentos, no valor de nove milhões de euros, avançou hoje o presidente da câmara.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.