Início Refugiados Mais de 10.000 migrantes crianças desaparecidas

Mais de 10.000 migrantes crianças desaparecidas

1013
0
crianças desaparecidas

Milhares de crianças desapareceram na Europa nos últimos 24 meses, de acordo com a Europol, que teme que muitas delas estejam a ser exploradas, inclusive sexualmente, pelo crime organizado.

Os números, revelados na Internet pelo semanário britânico The Observer, foram confirmados, no domingo, à AFP pelo serviço de imprensa da Europol. De acordo com Brian Donald, um funcionário da Europol citado pelo The Observer, o número avançado engloba todas as crianças sobre as quais se perderam os vestígios após a sua inscrição nas autoridades europeias. Cerca de metade delas desapareceram na Itália.

“Podemos assumir que estamos a falar de um total de mais de 10.000 crianças”, diz Brian Donald. “Mas nem todas serão exploradas para fins criminosos, há algumas que se juntaram aos seus familiares. Só que não sabemos onde elas estão, o que fazem e com quem vivem”.

Publicidade

Cerca de um milhão de migrantes chegaram à Europa em 2015, como parte da pior crise migratória na Europa desde a Segunda Guerra Mundial, segundo as estimativas da Europol, citada pelo The Observer. Cerca de 27% deles são crianças. “Nem todas estão desacompanhadas, mas não temos provas de onde uma grande parte delas possa estar.”

De acordo com Brian Donald, uma “infra-estrutura criminosa” europeia sofisticada acompanha os migrantes com diversos fins. Na Alemanha e na Hungria, em particular, um grande número de criminosos foram apanhados a explorar os migrantes.

Artigo anteriorLiga Europa: Excursão ao Bayer Leverkusen – Sporting
Próximo artigoISIS reivindica a responsabilidade por atentados mortais nos subúrbios de Damasco

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui