Início Comunidades Emigrantes do Canadá patrocinaram almoço de Natal solidário no Cadaval

Emigrantes do Canadá patrocinaram almoço de Natal solidário no Cadaval

768
0
Numa iniciativa concebida e patrocinada por cadavalenses da comunidade portuguesa em Toronto (Canadá), realizou-se recentemente, no Cadaval, um almoço de Natal solidário, que reuniu cerca de 60 munícipes socioeconomicamente desfavorecidos.
Coube a José Carlos Caetano, na qualidade de cidadão local, dar corpo à iniciativa no Cadaval, coadjuvado pelos conterrâneos Fernando Geada e Julieta Pinto. «Tratou-se de um pedido que me foi feito por um amigo emigrante no Canadá, e natural aqui do Cadaval, o João Pinto. Foi ele que me contactou a contar da ideia de fazer um almoço solidário para carenciados do concelho, a ser custeado por eles», relata José Carlos, que foi o anterior comandante dos Bombeiros Voluntários do Cadaval.
Terá sido João Pinto (mais conhecido por João Miguel) a lançar a proposta a mais duas munícipes emigrantes e oriundas do Painho – Júlia Santos e Rogéria Martins, para que se organizasse, no Canadá, um jantar de angariação a reverter para o evento solidário no Cadaval.
Isto porque aquela dupla de conterrâneas costumava já orga
nizar eventos festivos em Toronto (Canadá). A festa viria a ser bem-sucedida, segundo conta José Carlos Caetano, tendo permitido angariar a verba para o efeito.
«Mas entretanto o processo já estava aqui em marcha», explica o organizador. «Falei com a vereadora Fátima Paz, expus-lhe a ideia e a câmara colaborou em todo o processo de chegar até às pessoas».

Apoiado pelo serviço social camarário e juntas de freguesia concelhias, José Carlos venceria a dificuldade inicialmente sentida: «saber como é que eu chegaria às pessoas e saber que estava a ir às pessoas certas».

Munido dos dados oficiais, foram 127 os convites que o ex-comadante de bombeiros remeteu para 127 famílias do concelho, a fim de estas participarem no dito almoço solidário. «Na carta, pedia que fossem à junta de freguesia efetuar inscrição, dizendo o número de pessoas e se tinham necessidade de transporte, o qual a câmara disponibilizou para o efeito».

Conta o organizador que acederam ao convite perto de 60 cadavalenses, de um universo estimado em 300 pessoas. Neste tipo de situações, «as pessoas ficam um pouco desconfiadas», entende, «mas as que vieram ficaram radiantes».

Publicidade

Com a verba angariada no Canadá, os organizadores no Cadaval abririam uma conta que, uma vez subtraído o valor do primeiro almoço, ficou afeta à continuidade deste evento solidário. «Estamos todos convencidos de que, para o ano, virá muito mais gente», acredita José Carlos.

O almoço solidário de Natal veio a cumprir-se a 12 de dezembro, no salão dos Bombeiros Voluntários do Cadaval, cedido, para o efeito, pela respetiva direção.

Da ementa solidária fizeram parte sopa de legumes e bacalhau com batatas e couves. «Havia, no fim, uma mesa com vinho do Porto, bolo-rei, fruta, enfim, as pessoas saíram muito agradadas», confirma, referindo ter sido ofertado, ainda, um bolo-rei a cada chefe de família.

O almoço contou também com animação musical, assegurada pela dupla cadavalense Valentim Matias (ex-presidente da câmara e fadista) e Manuel Carriche.

No final, acabariam por ser servidas cerca de 80 refeições, contando com alguns participantes de última hora e com os elementos colaboradores.

O objetivo da organização foi cumprido, atesta José Carlos. «As pessoas mostraram-se muito agradecidas, pois tinha sido um magnífico almoço e uma tarde muito agradável».

O organizador agradece, em nome da equipa dinamizadora, àqueles que voluntariamente permitiram concretizar este gesto solidário. Deixa um agradecimento particular ao cozinheiro de serviço, Fernando Ventura (Figueiros), às entidades oficiais apoiantes e a todos os cadavalenses, em particular os que à distância apoiaram esta causa.

Artigo anteriorPortugal considerado o segundo lugar mais popular do mundo
Próximo artigoBolo-rei: o imigrante que conquistou os portugueses

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui