Início Desporto Jesus diz que dificilmente será surpreendido por Rui Vitória

Jesus diz que dificilmente será surpreendido por Rui Vitória

856
0
FUTEBOL - Jorge Jesus, o treinador do Sporting, na conferencia de imprensa de antevisao do Rio Ave - Sporting, jogo da 4 jornada da Primeira Liga 2015/2016. Estadio Jose Alvalade, em Lisboa. Sabado, 12 de Setembro de 2015. (Miguel Nunes/ASF) JORGE JESUS

O treinador do Sporting disse hoje que a sua equipa é “teoricamente favorita” para o dérbi com o Benfica, no sábado, para a Taça de Portugal em futebol e que dificilmente se deixará surpreender por Rui Vitória.

“Se estou à espera de segredos ou de surpresas do Benfica? É difícil eu ser surpreendido. Não sei quem vai jogar no adversário, já soube, agora não sou eu que escolho, mas não há segredos… “, afirmou Jorge Jesus, para quem vai ser “um jogo equilibrado, com jogadores de qualidade técnico-tática e muita paixão dentro e fora das quatro linhas”.

Jesus espera que o Sporting jogue no sábado “ainda melhor do que fez nos dois jogos anteriores com o Benfica”, adversário que diz respeitar, o que não invalida a sua confiança de que o Sporting “vai ganhar”.

Publicidade

Questionado se uma terceira derrota consecutiva do Benfica frente ao Sporting pode ser um duro golpe para os ‘encarnados’, torneou a questão: “Duro golpe será para quem ficar fora da Taça. O objetivo do Sporting é voltar ao Jamor, o Benfica tem o mesmo pensamento, e quem perder deixará de atingir um dos quatro objetivos da época.”

Negou mesmo que sinta um prazer especial por ganhar ao Benfica, pela forma como saiu da Luz e pelos ataques de que tem sido alvo pelo seu anterior clube: “A título pessoal dá-me gozo ganhar todos os jogos e todos os adversários são especiais.”

O treinador dos ‘leões’ está preocupado com a condição física de Bryan Ruiz e Slimani, que regressaram na quinta-feira de jogos das respetivas seleções com mazelas, mas revelou-se confiante em relação ao caso do lateral-esquerdo Jefferson, que passou a semana a treinar de forma condicionada.

“Apresentaram-se com algumas queixas, que deixam dúvidas sobre a sua utilização, mas acredito que possamos recuperá-los. Amanhã (sábado) irei tirar as últimas ilações e tomar uma decisão. Já quanto ao Jefferson, as últimas indicações são boas e estou mais tranquilo”, referiu.

Jesus falou ainda do caso do defesa-central Ewerton, que poderá ser titular face à ausência forçada de Naldo, por castigo: “O Ewerton esteve três meses e meio sem jogar e só o treino não chega para ele ganhar ritmo e intensidade, pelo que precisa de competir. Neste momento, estamos só com três centrais, o Tobias Figueiredo é outra solução, um dos dois irá jogar, sendo que qualquer um deles tem qualidade individual e coletiva suficiente para me transmitirem confiança”.

Questionado se o favoritismo pendia para o Sporting pelo facto de ter vencido o rival nos dois jogos anteriores, Jesus admitiu que sim: “Teoricamente sim, faz sentido. Se ganhámos em campo neutro e fora, e sendo este jogo em casa… Mas penso que num dérbi não há favoritos, as coisas são muito iguais e a questão do campo não tem muita influência.”

Artigo anteriorTelma Santos apurada para a final do Open do Suriname
Próximo artigoAtaques racistas na Escócia aumentaram depois dos atentados de Paris

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui