Início Política Tony Blair reconhece alguma responsabilidade pelo aparecimento do chamado Estado Islâmico

Tony Blair reconhece alguma responsabilidade pelo aparecimento do chamado Estado Islâmico

885
0

O ex-primeiro-ministro britânico Tony Blair reiterou hoje desculpas parciais pela guerra no Iraque, reconhecendo alguma responsabilidade pelo aparecimento do autodenominado Estado Islâmico (EI).

“Posso pedir desculpas pelo facto das informações fornecidas pelos serviços secretos serem falsas”, disse o antigo primeiro-ministro trabalhistas Tony Blair ao canal de televisão CNN.

No entanto, argumentou ser difícil sentir necessidade de se desculpar pela queda de Saddam Hussein: “Mesmo hoje em 2015, julgu que é melhor ele não estar lá”.

Publicidade

“Peço desculpa por alguns erros na planificação e na compreensão do que se passou depois do regime ter caído”, afirmou, reconhecendo “elementos de verdade” na ideia de que a invasão do Iraque em 2003 é a principal causa do surgimento do EI.

Artigo anteriorJornal de Angola diz que visita a Luaty Beirão abre “precedente grave” com Portugal
Próximo artigoLuxemburgo: Mercado de brinquedos e de roupas de criança, em segunda mão

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui