Início Crime Guatemala: Autarca queimado vivo pela população

Guatemala: Autarca queimado vivo pela população

1014
0

Basilio Juracán, autarca do município de Concepcíón, na Guatemala, foi violentamente assassinado no domingo por populares que o acusaram de, horas antes, ter tentado matar um rival político.

Os populares do município, situado a cerca de 100 quilómetros da Cidade da Guatemala, organizaram-se em piquetes de busca, que percorreram as casas dos familiares de Juracán e queimaram três das suas vivendas e três automóveis, ao mesmo tempo que um grupo bloqueou as estradas para impedir que as autoridades tivessem acesso ao local. Após terem encontrado o autarca, atacaram-no violentamente e pegaram-lhe fogo.

Juracán derrotara nas eleições autárquicas, no mês passado, o seu opositor Lorenzo Sequec, que posteriormente o acusou de má gestão e exigiu uma investigação sobre as finanças da autarquia.

Publicidade

No domingo de manhã, Sequec seguia com familiares num carro quando um outro carro lhes barrou a estrada. Homens não identificados saíram dessa viatura e dispararam contra o carro do político, deixando-o ferido – e a mais outros três familiares – e matando a sua filha de 17 anos e um sobrinho de 16.

Juracán, do partido Liberdade Democrática Renovada, era um autarca estimado pela população que o reelegeu pela terceira vez nas eleições do passado dia 6 de Setembro.

A Guatemala é considerada um dos cinco países mais violentos do mundo e regista, em média, 15 assassinatos por dia, dos quais 80% são cometidos com armas de fogo.

Artigo anteriorDell compra EMC e cria líder mundial do setor da tecnologia
Próximo artigoObra com oito anos e orçada em 10ME concluída em novembro no centro da Trofa

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui