Início Atualidade França: Imigrante português prova que nunca é tarde para lutar pelos seus...

França: Imigrante português prova que nunca é tarde para lutar pelos seus direitos

1906
0

Empresa portuguesa enviava funcionários para trabalharem na França, onde não recebiam nada e não tinham direitos.

José Tomaz estava a trabalhar numa empresa portuguesa, quando lhe foi proposto trabalhar em França, nas obras, onde poderia naturalmente ganhar mais dinheiro.

Segundo informações de fonte segura, tudo não passava de uma manobra da empresa que, não respeitando minimamente os direitos dos seus trabalhadores, não lhes pagavam o que estava acordado pelo seu trabalho.

Publicidade

As denúncias dos abusos foram crescendo contra a empresa “Joaquim Manuel Fortunato Unipessoal Lda” e agora José Tomaz viu finalmente ser feita justiça nos tribunais, recebendo uma indemnização de 6.720 euros, mais juros.

Porém, as autoridades acreditam que mais funcionários, terão regressado aos seus países quase sem dinheiro, depois de terem sido enganados por essa empresa do setor da construção civil.

A empresa acusada dizia que José Tomaz era quem tinha abandonado seu emprego sem justificação, “representando assim um grande prejuízo para a empresa”, como os responsáveis da empresa afirmaram para o jornal “O Público”.

Porém o Tribunal de Trabalho deu razão a José Tomaz que, além de ter recebido o que estava em falta, deu uma força a todos os emigrantes portugueses e de outras nacionalidades que são enganados ou então não são respeitados como seres humanos que são.

Esse pode ser um grande passo por uma luta maior pelos direitos laborais dos emigrantes na Europa.

Artigo anteriorSuiça: Matam emigrante português e passam-lhe com o carro por cima em Chiasso
Próximo artigoEugénia Melo e Castro cria concerto com memórias emocionais da música portuguesa

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui