Início Atualidade Colégio Islâmico de Palmela oferece 400 sacos-cama a sem-abrigo

Colégio Islâmico de Palmela oferece 400 sacos-cama a sem-abrigo

797
0

O Colégio Islâmico de Palmela vai oferecer 400 sacos-cama a sem-abrigo de Lisboa, numa doação que será feita, na sexta-feira, ao programa ‘Sopa para Todos’, uma refeição servida quinzenalmente a cerca de uma centena de pessoas.

A International School of Palmela, mais conhecida como Colégio Islâmico de Palmela, informou hoje que a decisão de se associar ao programa surgiu devido a “um donativo de benfeitores a favor dos sem-abrigo de Lisboa para minimizar o sacrifício de quem vive sem teto, respondendo ao exigente desafio e flagelo de quem vive nas frias ruas da cidade”.

Para o diretor da International School of Palmela, Rachid Ismael, a inciativa é “apenas um gesto solidário dos alunos, que se traduz no facto de desejar o bem ao próximo”.

Publicidade

“A crise não escolhe estratos sociais, credos ou religiões e a comunidade islâmica em Portugal mantém-se atenta aos que mais precisam”, sublinha.

Na mesma nota escrita, Abdullah Seedat, um dos fundadores da FIP – Fundação Islâmica de Palmela, destacou a intenção de “sensibilizar os mais novos para a tragédia que é viver na rua”.

A doação está marcada para sexta-feira, às 19:30, durante a refeição oferecida pelo “Sopa para Todos”, uma iniciativa da Mesquita de Lisboa que se repete desde 2011 e que estima chegar às 7.000 refeições por ano.

A iniciativa contará com a presença do vereador da Câmara de Lisboa João Afonso e de responsáveis da Comunidade Islâmica de Lisboa.

Desde 2010, que a Comunidade Islâmica de Lisboa, em parceria com a Junta de Freguesia de Campolide, leva a efeito a campanha solidária “Sopa para Todos” para a distribuição gratuita, duas vezes por mês, de refeições à população carenciada, muçulmana ou não.

O coordenador da Comissão Social e Cultural da Mesquita de Lisboa, Mahomed Abed, revelou que em 2014 foram servidas 5.250 refeições.

Artigo anteriorDeutsche Bank envia 6 mil milhões de dólares a cliente por engano
Próximo artigoBE diz que divergências com PS foram ultrapassadas

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui