Início Culturas Animação Caretos de Podence vão representar Portugal em Macau

Caretos de Podence vão representar Portugal em Macau

1763
0

Os Caretos de Podence, os mais emblemáticos mascarados das tradições transmontanas, vão representar Portugal em Macau, em dezembro, nas comemorações da transferência da administração portuguesa para a China, divulgou hoje a associação responsável pelo grupo.

É a mais longínqua deslocação do historial dos Caretos de Podence, como disse à Lusa o responsável pelo grupo, António Carneiro, que levará uma comitiva de 20 elementos numa viagem de quase 11 mil quilómetros até ao Oriente, entre 02 e 08 de dezembro.

Os caretos foram convidados pelo Governo de Macau para representar Portugal na Parada Latina, um dos eventos que assinala os 16 anos da transferência de soberania da antiga região administrativa portuguesa, com a representação de vários países.

Publicidade

Esta será a primeira vez que os mascarados de Podence, com várias participações em eventos internacionais, vão estar no Oriente, sendo que o primeiro convite já tinha chegada há 15 anos, mas naquela ocasião não houve condições para a deslocação, como explicou António Carneiro.

“É um grande orgulho para nós representarmos Portugal”, afirmou.

Os Caretos de Podence, no concelho de Macedo de Cavaleiras, distrito de Bragança, são o símbolo das festas de Carnaval e encerram as tradiçionais Festas dos Rapazes, em Trás-os-Montes, que começam na época de natal com a presença dos típicos mascarados.

Em Macedo de Cavaleiros, comemora-se o Carnaval de uma forma muito singular, numa festa de origens ancestrais, marcadas pelas cores garridas dos Caretos, pelas suas máscaras artesanais, as frenéticas correrias e as habituais chocalhadas nas ancas das raparigas ou senhoras, num ritual ligado à fertilidade, com origens que se perdem no tempo.

Os Caretos de Podence reclamam singularidades nestes rituais que se repetem em várias zonas da região transmontana e estão a preparar-se para avançar com uma candidatura a Património Imaterial da Humanidade.

O presidente do grupo, António Carneiro, tem a expetativa de que “ainda durante o corrente mês” a Secretaria de Estado da Cultura aprove o registo dos Caretos de Podence, um processo que está a ser trabalhado há dois anos.

Esta aprovação é essencial para avançar com a candidatura à UNESCO, a Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura, que António Carneiro pretende concretizar “logo de seguida”.

“Não é fácil, mas nós somos pessoas de luta e que acreditamos numa tradição que tem levado o nome de Trás-os-Montes e de Portugal por todo o mundo”, afirmou.

António Carneiro defendeu ainda que foram os Caretos de Podence que “contribuíram para revitalizar muitas aldeias da região” com a recuperação de tradições antigas.

O grupo está a reunir apoios para a candidatura e conta com “a própria autarquia” de Macedo de Cavaleiros “e outras entidades que também se querem associar”.

Artigo anteriorGolfinho recupera telemóvel do fundo do oceano
Próximo artigoAssociação de Árbitros já reagiu às declarações de Bruno de Carvalho

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui