Início Sci-Tech Astronomia Grande Mancha Vermelha de Júpiter está menor. É um sinal da mudança...

Grande Mancha Vermelha de Júpiter está menor. É um sinal da mudança climática sobre o maior planeta?

1409
0

A famosa Grande Mancha Vermelha de Júpiter, sem dúvida a atração mais famosa do sistema solar, está a ficar menor.

Novas imagens divulgadas esta semana do telescópio espacial Hubble da NASA confirmam que a Grande Mancha Vermelha continua a encolher e a tornar-se mais circular, tal como tem vindo a fazer há anos.

A Grande Mancha Vermelha é uma tempestade monstruosa, que atinge velocidades de vento até 547 Km/h, de acordo com a NASA.

Publicidade

A tempestade está cerca de 241 Km de diâmetro menor do que era no ano passado, segundo a Nasa. Embora possa parecer muito, a área ainda é de cerca de 16 mil km de diâmetro, o suficiente para caber cerca de duas ou três Terras.

Poderia, eventualmente, desaparecer por completo? “Neste momento, não sabemos quando, ou mesmo se, a Grande Mancha Vermelha irá desaparecer”, disse a cientista da NASA, Amy Simon, num e-mail ao USA TODAY.

“O caso mais provável é que estabilize num tamanho menor do que é agora”, disse ela. “Pode chegar a esse ponto na próxima década. Ele está lá desde, pelo menos, o final dos anos 1870 e já foi muito maior.”

A Grande Mancha Vermelha é mais laranja do que o vermelho nos dias de hoje, e o seu núcleo, que normalmente tem cor mais intensa, é menos distinta do que costumava ser, informou a NASA .

Fotos do nosso sistema solar a partir do telescópio Hubble continuam a surpreender os cientistas.

“Cada vez que olhamos para Júpiter, temos sugestões tentadoras de que algo realmente emocionante está a acontecer”, disse Simon. “Desta vez não é excepção.”

Artigo anteriorDerrocada de prédio devoluto em Lisboa provoca danos em três viaturas
Próximo artigoDívida pública aumenta para 229.074 ME em agosto

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui