Início Ambiente Levantada interdição de banhos na praia da Nazaré

Levantada interdição de banhos na praia da Nazaré

211
0

A Capitania do Porto da Nazaré levantou hoje a interdição dos banhos na praia da vila, depois de os resultados das análises à qualidade da água terem comprovado estarem normalizados os valores microbiológicos.

“Os resultados das análises à água recolhida na quarta-feira confirmam que os valores estão todos em conformidade, pelo que os banhos voltaram a ser permitidos”, disse à agência Lusa o capitão do Porto e comandante-local da Polícia Marítima de Nazaré, Paulo Gomes Agostinho.

Os banhos na praia da Nazaré (distrito de Leiria) estavam interditados desde quarta-feira após uma análise à qualidade da água ter revelado valores microbiológicos acima dos parâmetros normais, causados, segundo a Câmara, por uma anomalia na rede de saneamento da vila.

Publicidade

A análise revelou “valores microbiológicos acima dos parâmetros de referência para esta praia”, situação que o presidente da Câmara da Nazaré, Walter Chicharro, confirmou na altura à Lusa ter por base “um entupimento na rede de saneamento doméstico”.

O entupimento terá provocado “uma descarga de uma antiga conduta, já desativada”, localizada numa zona a norte da praia.

Segundo um comunicado divulgado hoje pelo município, “as contra-análises efetuadas à água da praia revelam que os valores microbiológicos estão abaixo dos parâmetros de referência, voltando a apresentar a qualidade que vem registando nos últimos anos e que se traduziram em diversos certificados de excelência”.

O autarca afirma, citado na nota, que desde a identificação da anomalia que esteve na origem da interdição dos banhos a Câmara “trabalhou em constante articulação com as autoridades competentes nesta matéria, nomeadamente a Autoridade Regional de Saúde, a Capitania do Porto da Nazaré, o Comando-local da Polícia Marítima, a Agência Portuguesa do Ambiente (APA) — Administração da Região Hidrográfica do Tejo e Oeste e a Associação de Nadadores-salvadores da Nazaré, no sentido de assegurar as condições de segurança e de saúde essenciais à prática balnear, bem como no sentido da rápida resolução da situação anómala”.

A autarquia divulga ainda que o relatório da Direção-Geral de Saúde confirma que o resultado da análise da colheita à água (efetuada na quarta-feira) revelou qualidade excelente, pelo que se considera “justificável o levantamento da interdição do uso para fins balneares da praia”, onde os banhos voltaram hoje a ser permitidos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.