Início Sem categoria Covid-19: Conselho de Ministros reúne-se para aprovar medidas da nova fase da...

Covid-19: Conselho de Ministros reúne-se para aprovar medidas da nova fase da retoma em Portugal

251
0
O primeiro-ministro, António Costa (C), ladeado por membros do Governo que usam máscaras de proteção respiratória, intervém durante o debate quinzenal, a que se segue o debate da proposta de lei do Governo sobre reabertura dos tribunais no âmbito da pandemia da covid-19, na Assembleia da República, em Lisboa, 07 de maio de 2020. Portugal entrou domingo em situação de calamidade, depois de três períodos consecutivos em estado de emergência desde 19 de março. ANTÓNIO COTRIM/LUSA

O Conselho de Ministros vai reunir-se hoje para fazer o balanço das medidas da segunda fase de desconfinamento e tomar decisões relativamente à terceira fase, que prevê a reabertura do pré-escolar, dos cinemas, teatros e salas de espetáculo.

Esta reunião do executivo, que decorre no Palácio Nacional da Ajuda, em Lisboa, tem início marcado para as 9:30 e será presidida pelo primeiro-ministro, António Costa.

De acordo com o plano de desconfinamento do Governo, a partir de dia 01 de junho (Dia da Criança e o início da terceira fase do levantamento das restrições) os mais novos podem voltar a frequentar os jardins de infância.

Publicidade

No mesmo dia deverão reabrir os cinemas, teatros, auditórios e salas de espetáculos, mas com regras. As sessões deverão ter lotação reduzida e deve ser acautelado o distanciamento físico entre os espetadores, que terão lugares marcados.

A partir de junho, as empresas poderão também recorrer ao teletrabalho parcial, desde que os trabalhadores tenham “horários desfasados ou equipas em espelho”.

De acordo com o plano de desconfinamento, na terceira fase deverão reabrir as Lojas do Cidadão com obrigatoriedade do uso de máscara e atendimento por marcação prévia.

Para esta fase está prevista também a reabertura ao pública de lojas com área superior a 400 metros quadrados, ou inseridas em centros comerciais.

Na quinta-feira, no final de mais um encontro com especialistas sobre a “situação epidemiológica da covid-19 em Portugal”, no Infarmed, em Lisboa, o Presidente da República considerou que “a fotografia” da evolução da pandemia de covid-19 no país “é favorável”, mas admitiu preocupação com situação na região de Lisboa, onde tem crescido o número de infetados.

De acordo com Marcelo Rebelo de Sousa, o surgimento de casos de covid-19 na região de Lisboa e Vale do Tejo deve e vai ser ponderado nas decisões a adotar pelo Governo nos próximos dias e semanas.

Também o PSD transmitiu aos jornalistas que o executivo vai estudar a possibilidade de adiar, na região de Lisboa e Vale do Tejo, a aplicação de algumas das medidas previstas no âmbito da terceira fase de desconfinamento, avaliação que seria feita antes do Conselho de Ministros de hoje.

Portugal contabiliza pelo menos 1.369 mortes associadas à covid-19 em 31.596 casos confirmados de infeção, segundo a Direção-Geral da Saúde.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.