Início Saúde Botão de pânico já travou violência contra médicos

Botão de pânico já travou violência contra médicos

468
0
Group of university students outdoors looking happy

Amadora-Sintra tem sistema há seis meses e remunera seis agentes da PSP. S. João delineou plano próprio. Ministra promete estratégia para breve.

Há seis meses em modo de teste no Hospital Fernando Fonseca, Amadora-Sintra, os “botões de pânico” já evitaram que vários episódios de violência de doentes contra profissionais de saúde descambassem em agressões. A última vez foi anteontem. Outros hospitais adotaram estratégias semelhantes para prevenir a escalada das agressões. Sobre pressão do setor e da Oposição, após os casos ocorridos na última semana em Setúbal e Moscavide, a ministra da Saúde anunciou um plano de ação até ao final do mês.

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.