Início Culturas Cinema “The River” de Emir Bargazin venceu Prémio de Melhor Filme do Lisbon&Sintra...

“The River” de Emir Bargazin venceu Prémio de Melhor Filme do Lisbon&Sintra Film Festival

105
0

“The River”, do realizador cazaque Emir Baigazin, conquistou o Prémio de Melhor Filme do Lisbon & Sintra Film Festival (LEFFEST), cujos vencedores foram anunciados hoje, numa cerimónia no Teatro Nacional D.Maria II, em Lisboa.

“The River”, cuja ação se desenrola numa aldeia remota do Cazaquistão, é o terceiro filme de Emir Baigazin, de 34 anos, e surge depois de “Lições de Harmonia” (2013) e “Ranenyy Angel”(2016).

O Grande Prémio do Júri João Bénard da Costa foi atribuído a dois filmes: “John McEnroe: In the Realm of Perfection”, do francês Julien Faraut, e “Sedução da Carne”, do brasileiro Júlio Bressane.

“John McEnroe: In the Realm of Perfection” é um documentário sobre a final de 1984 do Open de França, na qual se defrontaram John McEnroe e Ivan Lendl, quando McEnroe era o melhor jogador de ténis do mundo. “Sedução da Carne” centra-se numa única personagem, Silóe (interpretada por Mariana Lima).

Nesta edição do LEFFEST, o Prémio Especial do Júri para Melhor Realizador foi atribuído ao britânico Richard Billingham, por “Ray & Liz”, filme passado “nos arredores de Birmingham e nas margens da sociedade, onde a família Billingham leva a cabo rituais extremos e quebra tabus sociais, numa vida decidida por fatores fora do seu controlo”.

O júri do 12.º LEFFEST foi constituído por Walter Salles, Chrysta Bell, Jonathan Littell, Jorge Queiroz, Martha Argerich e Stephen Kovacevich.

A cerimónia de entrega de prémios do festival decorre no Teatro Nacional D.Maria II, e inclui a apresentação de uma peça para dois pianos (não identificada pela organização), por Martha Argerich e Stephen Kovacevich.

Apesar de os prémios serem entregues hoje, o LEFFEST só termina no domingo, dia em que serão exibidos os filmes premiados.

“The River” passa às 21:00, na Sala 1 do cinema Monumental, “John McEnroe: In the Realm of Perfection”, às 18:30, na mesma sala, “Sedução da Carne”, às 14:00, no Espaço Nimas, e “Ray & Liz”, às 13:30, na sala 2 do cinema Monumental.

Também para domingo, mas às 16:00 no Teatro Nacional D.Maria II, está marcado o debate “A semente do populismo e dos novos fascismos”, que conta com a participação de Aminata Dramane Traoré, Ângela Ferreira, Baltasar Garzón, Inês Branco López, Irene Pimentel, José Gil e Sarah Constantin.

Após o debate será exibido “The Code”, apresentado por Baltasar Garzón.

A organização do festival destaca ainda, mas no sábado, a sessão “A verdadeira versão de Torre Bela: Uma utopia?”, que inclui a exibição de “Torre Bela”, seguida de um debate com Paulo Branco, José Manuel Costa, Chester Harlan, Roberto Perpignani, Camilo Mortágua, Otelo Saraiva de Carvalho, Wilson Filipe, Francisco Fanhais, Francisco Bairrão Ruivo e Inês Branco López. A sessão está marcada para as 15:30, na sala 4 do cinema Monumental.

Também no sábado, mas às 16:30, na sala 2 do Monumental, acontece o debate “Ir e vir: discussão sociopolítica sobre as migrações”, na sequência da exibição do filme “So Kadi: Paroles de Migrants, Porteurs d’Espoir”, de Awa Meité, no qual participam Aminata Dramane Traoré e grupos ativistas.

Ainda no sábado, mas à noite, decorre uma conferência com a presidente do movimento feminista Femen em França, Sarah Constantin.

Na sessão, marcada para as 23:55 no Espaço Nimas, será projetado o filme “Naked War”, cujas imagens “foram captadas pelo realizador Joseph Paris ao longo dum ano, durante o qual filmou o movimento feminista Femen a partir do interior”.

A programação completa do LEFFEST pode ser consultada em www.leffest.com.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.