Início Atualidade Agricultores franceses ameaçam bloquear refinarias durante três dias

Agricultores franceses ameaçam bloquear refinarias durante três dias

99
0

Os agricultores franceses iniciaram hoje uma ação de bloqueio por três dias de refinarias e depósitos de combustível para forçar o governo a reverter a autorização dada à petrolífera Total para importar massivamente óleo de palma para produzir biocombustíveis.

No total, existem 13 instalações estratégicas para a distribuição de combustível em toda a França que o principal sindicato agrícola, a FNSEA, pretende interromper durante três dias contra a chamada “biorrefinaria” da Total, em La Mède, perto de Marselha (sudeste).

A presidente da Federação Nacional de Sindicatos de Exploradores Agrícolas (FNSEA), Christiane Lambert, assegurou que o protesto contará com “uma forte mobilização dos agricultores”.

Numa entrevista à “France Info”, a dirigente sindical sublinhou que os agricultores pretendem denunciar as consequências para o setor das autorizações dadas à Total para importação de óleo de palma, que podem atingir um contingente de 300 mil toneladas por ano.

Além disso, Lambert alertou para a situação dos agricultores franceses que têm de respeitar “regras cada vez mais rigorosas e, ao mesmo tempo, fronteiras bem abertas” para produtos que não estão sujeitos às mesmas regras.

A refinaria da Total em La Mède está em processo de reconversão depois de ter deixado de tratar petróleo bruto em 2016 para passar a ser, segundo a empresa, a “primeira biorrefinaria de tamanho mundial”.

Em 16 de maio a Total recebeu ‘luz verde’ do Estado para que, a partir do verão, possa produzir 500 mil toneladas anuais de biodiesel, recorrendo massivamente a óleo de palma, mais barato que o óleo de colza, produzido em França.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.