Início Atualidade Ministro belga do Interior confirma que autor dos disparos em Liége matou...

Ministro belga do Interior confirma que autor dos disparos em Liége matou outro homem na noite anterior

168
0
REUTERS/Francois Lenoir

O ministro belga do Interior, Jan Jambon, confirmou hoje que Benjamim Herman, autor do tiroteio na terça-feira em Liége, na Bélgica, no qual morreram dois polícias e um civil, “matou um homem na noite anterior”.

Em entrevista à rádio Bel-RTL, Jambon adiantou que o atacante é também responsável pela morte de Michaël Wilmet, um toxicodependente cujo cadáver foi encontrado na terça-feira de manhã na sua residência em On, na província do Luxemburgo.

“O motivo da morte ainda não é claro”, segundo o ministro, acrescentando que pode ter a ver com radicalização ou estar relacionado com drogas.

Michaël Wilmet estava registado na polícia por crime de tráfico de drogas e esteve sob vigilância durante dois anos.

O ministro da Justiça, Koen Geens, confirmou na terça-feira que Herman tinha saído da prisão no dia anterior, onde cumpria pena por delitos menores.

O Ministério Público vai revelar hoje mais detalhes sobre a investigação numa conferência de imprensa.

Dois polícias e um passageiro de um automóvel morreram na sequência de uma troca de tiros em Liège, a cerca de 100 quilómetros de Bruxelas, num caso que está a ser tratado como um ato terrorista.

Segundo a polícia local, dois outros agentes foram feridos e o autor dos disparos abatido.

Em conferência de imprensa, as autoridades esclareceram que às 10:30 (09:30 de Lisboa) um homem com uma arma branca atacou dois polícias pelas costas, desferindo vários golpes, e desarmou-os, matando-os em seguida.

O atacante disparou depois sobre um jovem de 22 anos que se encontrava no lugar do passageiro numa viatura, tendo depois entrado numa escola secundária onde tomou uma mulher como refém.

O suspeito foi abatido quando saiu da escola disparando, tendo ainda ferido dois polícias nas pernas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.