Início Desporto Futebol Benfica-FC Porto: Benfica e as 10 vitórias, FC Porto e as três...

Benfica-FC Porto: Benfica e as 10 vitórias, FC Porto e as três derrotas

65
0
COMPARTILHE

O Benfica procura no ‘clássico’ de domingo, na Luz, o 10.º triunfo consecutivo na I Liga portuguesa de futebol, enquanto o FC Porto corre o risco de sofrer um terceiro desaire consecutivo fora 16 anos depois.

Após o empate a um com o Belenenses, à 20.ª ronda, num embate em que Jonas falhou um penálti para inaugurar o marcador, os ‘encarnados’ venceram todos os jogos, sendo que, vencendo domingo os ‘dragões’, ficam a apenas dois triunfos do melhor registo obtido na ‘era’ Rui Vitória, em 2015/16.

Por seu lado, e depois de um percurso sem derrotas, os comandados de Sérgio Conceição perderam dois jogos seguidos fora, com Paços de Ferreira (0-1) e Belenenses (0-2), o que já não acontecia desde 2013/14.

No caso do Benfica, trata-se da quarta vez na segunda década do século XXI que pode chegar à dezena de triunfos consecutivos, feito que já alcançou em 2010/11 (11), 2013/14 (12) e 2015/16 (12), já com Rui Vitória.

Há duas épocas, e curiosamente depois de uma derrota caseira por 2-1 com o FC Porto, o Benfica venceu os derradeiros 12 encontros do campeonato, acabando campeão com um recorde de 88 pontos, apenas mais dois do que o Sporting, de Jorge Jesus.

Destaque especial para o triunfo por 1-0 em Alvalade, selado com um tento de Mitroglou, e também para o 1-0 no Bessa, com Jonas a decidir nos descontos, o 2-1 de Coimbra e o 1-0 de Vila do Conde, com ‘marca’ Raúl Jiménez, e o 2-0 no reduto do Marítimo, após prematura expulsão de Renato Sanches.

Na presente temporada, três das nove vitórias – as oito primeiras por dois ou mais golos de diferença – forma conseguidas após reviravoltas, com Rio Ave, Paços de Ferreira e Vitória de Setúbal, ‘abatido’ por um penálti de Jiménez aos 90+2 minutos.

Se o Benfica tem passado os últimos tempos a contabilizar vitórias, o FC Porto, depois de um trajeto quase imaculado até à 25.ª, com escassos oito pontos perdidos, perdeu os últimos dois encontros fora, sem conseguir, sequer, marcar qualquer golo.

Os ‘dragões’ perderam por 1-0 em Paços de Ferreira, onde, na segunda parte, desperdiçaram uma grande penalidade, por Brahimi, e, depois, caíram por 2-0 no Restelo, com o Belenenses.

Caso perca na Luz, o FC Porto soma o terceiro desaire seguido fora, algo que não lhe acontece desde a temporada 2001/2002, ainda sob o comando de Octávio Machado.

Da 14.ª à 19.ª rondas, os ‘dragões’ perderam nos redutos de Vitória de Guimarães (0-2), Santa Clara (1-2) e Boavista (1-2), a 20 de janeiro de 2002. No dia seguinte, Octávio foi despedido, tendo sido substituído por José Mourinho.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here