Início Sci-Tech Astronomia Nave espacial russa com três tripulantes chegou à plataforma espacial

Nave espacial russa com três tripulantes chegou à plataforma espacial

610
0

A nave russa Soyuz MS-07, com três tripulantes a bordo, acoplou hoje à Estação Espacial Internacional, informou o Centro de Controlo de Voos Espaciais da Rússia.

A bordo da Soyuz MS-07 estavam o russo Antón Shkaplerov, um astronauta com muita experiência, assim como o norte-americano Scott Tingle e o japonês Norishige Kanai, que estão a ter a sua primeira missão espacial.

Ao chegarem à plataforma orbital, estes astronautas foram recebidos pelo russo Alexandr Misurkin e pelos norte-americanos Mark Vande Hei e Joseph Acaba, que estão na estação espacial desde setembro.

Depois de dois dias de voo, a Soyuz MS-07 acoplou de forma automática ao segmento russo da Estação Espacial Internacional às 08:39 TMG (mesma hora em Lisboa), segundo informação do Centro de Controlo.

Inicialmente, o lançamento da nave estava previsto para 27 de dezembro, mas a NASA pediu para ser antecipado de modo a não coincidir com a época do Natal.

A Estação Espacial Internacional, um projeto de mais de 150 mil milhões de dólares (cerca de 127 mil milhões de euros) em que participam 16 países, integra atualmente 14 módulos permanentes e orbita a uma velocidade de mais de 27 mil quilómetros por hora, a uma distância de 400 quilómetros da Terra.

A órbita da plataforma é aumentada periodicamente através da ajuda dos propulsores das naves que recebe, já que perde diariamente entre 100 e 150 metros de altitude devido à gravitação terrestre, à atividade solar e outros fatores.

Como é tradição, os inquilinos da estação vão receber o ano novo em órbita e os presentes de Natal a bordo de cargueiro russo Progress.

A anterior missão, integrada pelo russo Serguéi Riazanski, o norte-americano Randolph Bresnik e o italiano Paolo Nespoli, da Agência Espacial Europeia, regressou à Terra na passada quinta-feira.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.