Início Conflitos Coreia do Norte envia condolências ao governo espanhol

Coreia do Norte envia condolências ao governo espanhol

317
0
COMPARTILHE

A Coreia do Norte enviou uma mensagem de condolências ao Governo espanhol devido aos ataques ocorrido na semana passada na Catalunha, que fizeram 14 mortos e 135 feridos, anunciou hoje a agência de notícias estatal KCNA.

“O primeiro-ministro da República Popular Democrática da Coreia [RPDC, designação oficial do país], Pak Pong-ju, enviou na sexta-feira uma mensagem de apoio ao Presidente [do Governo] espanhol, Mariano Rajoy Brey, devido ao ataque terrorista em Barcelona que causou um grande número de vítimas”, refere o despacho da agência oficial norte-coreana.

Na mensagem, Pyongyang manifesta o desejo de que “o Governo e o povo espanhol possam superar rapidamente os efeitos deste ataque terrorista”, sublinhando ainda a “firme postura do Governo da RPDC perante qualquer forma de terrorismo”, segundo a KCNA.

O comunicado também refere que o ministro dos Negócios Estrangeiros norte-coreano, Ri Yong-ho, endereçou uma mensagem idêntica ao seu homólogo espanhol, Alfonso Dastis.

Apesar de não ter embaixada em Pyongyang, Espanha mantém formalmente relações diplomáticas com a Coreia do Norte desde 2001, enquanto o país asiático abriu uma representação permanente em Madrid em finais de 2013.

Em julho, a diplomacia espanhola convocou o embaixador norte-coreano em Madrid para lhe comunicar que as relações bilaterais estão a ser alvo de uma “revisão” após os lançamentos de mísseis balísticos intercontinentais levados a cabo pelo regime de Kim Jong-un em violação das resoluções das Nações Unidas.

Espanha foi esta semana alvo de dois ataques terroristas, em Barcelona e em Cambrils, na Catalunha, que fizeram 14 mortos e 135 feridos, com a utilização de viaturas que atropelaram pessoas indiscriminadamente.

A lista de vítimas mortais do ataque em Barcelona inclui duas portuguesas, uma mulher de 74 anos, residente em Lisboa, e a sua neta, de 20.

Em Barcelona, o ataque ocorreu na quinta-feira à tarde, nas Ramblas, uma avenida muito frequentada por turistas.

Na madrugada de sexta-feira, cinco homens num automóvel atropelaram um grupo de pessoas em Cambrils, uma estância balnear a cerca de 100 quilómetros de Barcelona, fazendo um morto e cinco feridos.

Os dois ataques foram reivindicados pelo grupo extremista Estado Islâmico.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here