Início Serviços TAP retoma 17 anos depois voos diretos para Abidjan e inaugura para...

TAP retoma 17 anos depois voos diretos para Abidjan e inaugura para Acra/Lomé

634
0

A companhia aérea portuguesa TAP vai retomar na segunda-feira as ligações aéreas diretas entre Lisboa e Abidjan e inaugurar o voo Acra/Lomé, com ambas as operações esgotadas, disse hoje à agência Lusa fonte da transportadora.

Para Abidjan, cujas ligações aéreas foram suspensas em 2000 na sequência da instabilidade política e militar que então se viveu na Costa do Marfim, a TAP prevê cinco voos semanais durante o verão e quatro no inverno, utilizando aviões Airbus 320 ou 321.

Em 2000, 11 anos após dar início às operações com duas frequências semanais com Abidjan, via São Tomé, a TAP optou por suspender as ligações aéreas face ao que já então se vislumbrava conflito político-militar na Costa do Marfim, que decorreu entre 2002 e 2004.

A inauguração da embaixada marfinense em Lisboa ocorreu 27 anos depois de Portugal ter aberto a embaixada em Abidjan, a 22 de novembro de 1989, dois dias antes da única visita de um chefe de Estado português à Costa do Marfim (pelo então Presidente Mário Soares), e 40 anos após o estabelecimento de relações diplomáticas, a 29 de janeiro de 1975.

A ligação a Abidjan regressa assim ao portfólio da TAP com o objetivo de “reforçar o posicionamento estratégico [da companhia] no continente africano”, acrescentou a fonte.

O regresso das ligações aéreas entre os dois países foi abordado em junho de 2016, durante a visita oficial a Portugal do primeiro-ministro marfinense, Daniel Duncan, altura em que também foi inaugurada a embaixada da Costa do Marfim em Lisboa, na reunião que manteve com o homólogo português, António Costa.

Integrada na mesma estratégia está também o início das operações da transportadora aérea portuguesa para Lomé (Togo), onde chegará depois de uma escala na vizinha Acra (Gana) e terá quatro frequências semanais.

O Aeroporto Internacional de Lomé-Tokoin tem uma capacidade de tráfego de dois milhões de passageiros por ano.

Destino de negócios e casa de muitos residentes nos países europeus, o Togo é um destino estratégico para a TAP e para o seu hub em Lisboa, plataforma privilegiada de acesso na Europa aos continentes africano e americano.

A inclusão de Lomé na Rede da TAP vem reforçar o seu posicionamento estratégico em África.

Para o período de verão de 2017, prevê-se um crescimento de cerca de 20% de capacidade de passageiros e de 22% no número de voos para este continente, relativamente ao mesmo período do ano anterior.

Com as novas rotas, a TAP passa a voar para 16 destinos em 11 países africanos.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.