Início Sci-Tech Astronomia Cientistas descobrem planeta parecido com Terra que orbita estrela próximo do Sol

Cientistas descobrem planeta parecido com Terra que orbita estrela próximo do Sol

862
0
Ilustração mostra como pode ser a superfície do planeta Proxima b, que orbita a estrela Proxima Centauri, a mais próxima do Sol (Foto: ESO/M. Kornmesser)

Ao redor da estrela mais próxima do Sol, a Proxima Centauri, orbita um planeta pequeno e rochoso como a Terra que tem condições que permitiriam a existência de água em estado líquido, fator primordial para o desenvolvimento de vida. A empolgante descoberta do planeta, Proxima b, foi anunciada nesta quarta-feira (24) na revista “Nature”.

Os cientistas celebraram o achado, pois o Proxima b pode vir a ser o planeta com possibilidade de vida mais perto do nosso Sistema Solar.

A equipa de mais de 30 cientistas analisou dados colhidos a partir de dois telescópios do Observatório Europeu do Sul (ESO) entre 2000 e 2014 e de uma série de observações feitas entre janeiro e março de 2016. As medidas referem-se ao efeito Doppler, que indica minúsculas deslocações de uma estrela provocadas pela presença de um planeta orbitando ao seu redor.

Os dados permitiram concluir que Proxima b tem uma massa equivalente a cerca de 1,3 vez a da Terra e orbita a Proxima Centauri a cada 11,2 dias a uma distância de cerca de 7,5 milhões de km da sua estrela. Isso equivale a cerca de 5% a distância entre a Terra e o Sol.

A estrela Proxima Centauri fica a uma distância de 4,2 anos-luz do nosso Sistema Solar. Mesmo sendo nossa vizinha mais próxima, ainda sim levariam milhares de anos para chegar até lá usando a tecnologia atual.

Ser bem-sucedido na busca do planeta terrestre mais próximo fora do Sistema Solar foi uma experiência de uma vida, e resultou da dedicação e da paixão de vários investigadores internacionais. Esperamos que essas descobertas inspirem futuras gerações a continuarem a procurar além das estrelas. A busca por vida no planeta Proxima b vem a seguir”, afirmou o coordenador do projeto e principal autor do estudo, Guillem Anglada-Escudé, da Universidade Queen Mary de Londres (QMUL).

A possibilidade de existência do planeta já era investigada há muito tempo, porém os cientistas queriam certificar-se de que os dados eram realmente exatos. Isso porque a luz de uma estrela anã vermelha como a Proxima Centauri pode variar de forma a imitar a presença de um planeta. “Assim que estabelecemos que a variação não era causada por buracos estelares, soubemos que poderia ser um planeta orbitando uma zona onde a água poderia existir, o que é muito empolgante. Se futuros estudos concluírem que as condições da sua atmosfera são adequadas para abrigar vida, esta será provavelmente uma das descobertas científicas mais importantes que faremos“, disse o pesquisador John Barnes, um dos autores do estudo.

Capa da revista 'Nature' desta semana destaca descoberta de planeta Proxima b (Foto: Nature/Divulgação)
Capa da revista ‘Nature’ desta semana destaca descoberta de planeta Proxima b (Foto: Nature/Divulgação)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.