Início Mundo Timor PR timorense questiona “instrumentalização política” da decisão de exonerar líder militar

PR timorense questiona “instrumentalização política” da decisão de exonerar líder militar

682
0
O Presidente timorense “está surpreendido” com o que diz ser a “instrumentalização política” da sua decisão “natural e consequente” de exonerar o chefe das forças armadas, disse fonte da Presidência.
Uma posição que Taur Matan Ruak vincou numa carta remetida ao primeiro-ministro, Rui Maria de Araújo, em que insiste que sempre tentou com o Governo procurar uma “solução concertada” para o caso que nos últimos dias tem causado grande tensão política no país.
Em causa está a decisão do chefe de Estado em exonerar o Chefe do Estado-Maior General das Forças armadas (CEMGFA), o major-general Lere Anan Timur, e nomear como seu sucessor o brigadeiro-general Filomeno da Paixão de Jesus.

Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.